“Fundido en Malva” junta fotografia e poesia no Mercado Local de Castro Marim

Mostra fica patente durante um mês

O poemário “Fundido en Malva” e a exposição fotográfica que o ilustra foram apresentados, na passada sexta-feira, no Mercado Local de Castro Marim. A mostra, da autoria de Jose Luis Rua Nacher, é composta por 25 fotografias de crepúsculos, acompanhadas por poemas de diferentes autores, portugueses e castelhanos.

A Câmara de Castro Marim explica que esta é uma iniciativa que procura traduzir traduzir «a simbiose que resulta da ligação transfronteiriça entre Portugal e Espanha e que se exprime nas mais diversas formas e conteúdos culturais e sociais».

«É nesta partilha deste olhar, de um pôr-do-sol visto de Ayamonte para Castro Marim e de um nascer do sol de Castro Marim para Ayamonte, que se traduzem estas fotografias fantásticas, interpretadas por poetas que também representam o movimento artístico independente dos Poetas do Guadiana», sublinha Filomena Sintra, vice-presidente da Câmara de Castro Marim.

A inauguração teve momentos de declamação de poesia e momentos musicais do “Al Guitar Duo” que, segundo a autarquia, «muito emocionaram o público com a interpretação de temas de Paco de Lucía».

A exposição ficará no Mercado Local de Castro durante um mês e pode ser visitada todos os dias, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00.

“Fundido en Malva” resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Castro Marim, Ayuntamiento de Ayamonte, Grupo Editorial Wanceulen, Soluciones Deportivas Global, Taller de Arte La Escalera e Centenario de Sorolla en Ayamonte.

Comentários

pub
pub