Prémio para os 7 Vales Suspensos resulta da «estratégia de diversificação da oferta» em Lagoa

Câmara de Lagoa tem planos para novo percurso na margem esquerda do rio Arade

A eleição do percurso dos Sete Vales Suspensos de Lagoa como «O Melhor Destino para Caminhadas da Europa» foi recebida com «enorme satisfação» pela Câmara deste município algarvio.

Luís Encarnação, vice-presidente daquela autarquia,em declarações ao Sul Informação, disse que a distinção, atribuída pela European Best Destinations , «é para nós extremamente gratificante, para mais depois de, no ano passado, já termos visto a praia do Carvoeiro eleita como a melhor praia da Europa».

Estes galardões, acrescentou, resultam «da estratégia de diversificação da oferta turística do concelho de Lagoa, onde declarámos guerra à sazonalidade, apostando em subprodutos como o enoturismo, o turismo de natureza ou o turismo ativo».

Ainda esta terça-feira, acrescentou Luís Encarnação, «estivemos reunidos com os hoteleiros do concelho, a debater a questão do turismo ativo, onde também se insere o percurso dos Sete Vales Suspensos».

«No ano passado, o turismo ativo foi o mote da nossa participação na BTL. Agora, um ano depois, quisemos analisar os números, que são muito interessantes: tivemos 27500 dormidas, que geraram 1,8 milhões de euros de retorno, graças a essa aposta. E estes são números que pecarão por defeito e não por excesso», garantiu o autarca.

«O nosso objetivo é que Lagoa tenha, cada vez mais, uma ocupação hoteleira mais alta ao longo de todo o ano e não apenas no Verão. Daí termos de apostar nestes subprodutos».

E será que a maior atenção gerada a nível internacional por este prémio não atrairá multidões ao percurso pedestre dos Sete Vales Suspensos, tornando-o impraticável?

«Essa é uma preocupação permanente. Não podemos deixar de divulgar as nossas maravilhas, porque o concelho de Lagoa vive do Turismo. Mas a sustentabilidade é uma questão que nos preocupa», garantiu o vice-presidente, nas suas declarações ao Sul Informação.

«Foi por causa dessa preocupação que estivemos presentes na recente Bienal de Turismo de Natureza, em Aljezur. Temos que garantir às gerações vindouras que lhes vamos deixar um concelho sustentável».

Luís Encarnação salientou ainda que, além dos Sete Vales Suspensos, o litoral de Lagoa tem ainda dois outros percursos, o passadiço de Carvoeiro ao Algar Seco e o Caminho dos Promontórios, inaugurado no ano passado.

Mas a aposta do município lagoense no turismo de natureza não vai ficar por aqui, estando já em estudo um percurso pela margem esquerda do rio Arade, pelo menos entre a Mexilhoeira da Carregação e as Fontes de Estômbar.

A terminar, o autarca recordou que esta é a segunda boa notícia recebida por estes dias: é que ontem soube-se que o hotel Tivoli Carvoeiro foi distinguido com o British Airways Holidays Customer Excelence Award para 2018.

Comentários

pub
pub