Raquel Jacob é candidata à Associação Académica

Raquel Jacob foi vogal na direção de Pedro Ornelas, líder da AAUAlg que não se recandidata

Raquel Jacob é candidata à presidência da Associação Académica da Universidade do Algarve (AAUAlg) nas eleições do próximo dia 3 de Dezembro. 

Esta é a segunda candidatura anunciada, depois de João Sá de Carvalho, antigo vice-presidente da AAUAlg, também o já ter feito. 

Raquel Jacob foi vogal de Pedro Ornelas, líder da AAUAlg que não se recandidata, e, por isso, colega de direção de João Carvalho . Não há, por isso, um verdadeiro candidato da continuidade nestas eleições.

«A integração de vários projetos no ramo do associativismo estudantil fomentam a cidadania e participação ativa em sociedade e foram, experiências como o Parlamento dos Jovens e a oportunidade de integrar a Direção Geral da Associação Académica, no mandato de 2019, que despertaram em mim a capacidade de liderança, o espírito crítico e o trabalho em equipa que vejo como fulcrais na candidatura que agora apresento», diz Raquel Jacob, num post publicado no Facebook.

«Consciente de que um projeto sólido, coeso e competente não se constrói a partir de uma só vontade, tomo esta decisão rodeada de uma equipa coerente e convicta na qual tenho plena confiança», acrescenta.

Alguns dos objetivos, elencados por Raquel Jacob, são «ajustar, cada vez mais, a vasta atividade da Associação Académica aos interesses dos estudantes», passando pela «proximidade e disponibilidade redobrada para com os Núcleos de Estudantes e Secções Autónomas integradas na AAUAlg».

«Tendo presente o esforço e o trabalho realizado ao longo dos últimos anos, a sustentabilidade financeira da AAUAlg é, também, pilar assente desta candidatura. Acreditamos que, quanto mais estável a Associação estiver, maior será a sua capacidade de representar os estudantes – e assim melhorar o nível de vida de cada um nós», refere.

Comentários

pub
pub