Escola Superior de Saúde muda-se «em pleno» para Gambelas já neste ano letivo

Mudança para Gambelas faz com que seja lançada nova pós-graduação em Enfermagem Comunitária

A Escola Superior de Saúde (ESS) da Universidade do Algarve (UAlg) vai passar a funcionar, em pleno, já este ano letivo de 2018/2019, no Campus de Gambelas, tal como o Sul Informação tinha avançado em primeira mão.

Assim, o início das aulas, a 17 de Setembro, já terá lugar nas novas instalações.

Esta unidade orgânica, que antes se situava à entrada da cidade de Faro, perto do Teatro das Figuras, passa agora a sediar-se nos edifícios 1 (onde funciona a Faculdade de Ciências Humanas e Sociais) e 7 (que alberga a Faculdade de Ciências e Tecnologia) do Campus de Gambelas, onde os seus cursos passarão a ser lecionados, na totalidade.

Em entrevista ao Sul Informação e à Rádio Universitária do Algarve, dada em Julho, Paulo Águas, reitor da UAlg, tinha explicado que já não havia «capacidade para ter a ESS toda no Campus de Saúde», daí a necessidade de mudar de instalações para Gambelas.

Esta mudança dá-se no âmbito de uma profunda «reafetação de espaços» que está em curso no UAlg e que conta com «a colaboração de todas as Unidades Orgânicas» e a «compreensão» da ESS.

«A manutenção da situação atual iria sempre conduzir à degradação da situação da Escola Superior de Saúde», tinha garantido o reitor, na sua entrevista.

E o que vai acontecer nas atuais instalações da Escola Superior de Saúde? «Há intenção de transferir o curso de Artes Visuais para o [atual] Campus de Saúde», anunciou, na altura, Paulo Águas.

Certo é que esta decisão provocou contestação por parte dos alunos. A Associação Académica da UAlg mostrou-se «desconfortável» com a mudança da Escola de Saúde para Gambelas. 

A Escola Superior de Saúde foi criada em 2003, tendo na sua génese a Escola de Enfermagem de Faro, integrada na UAlg em 2001.

«Em virtude do rápido crescimento do número de estudantes, a partir de 2004/05, algumas das atividades letivas da ESSUAlg, sobretudo as vertentes laboratoriais, passaram também a decorrer no Campus de Gambelas, uma vez que estas condições não existiam no antigo edifício», explica agora UAlg, em comunicado.

Para o reitor, «a concentração das atividades letivas num só Campus irá permitir uma maior funcionalidade da Escola e uma maior aproximação à restante comunidade académica».

Atualmente, a Escola de Saúde leciona os cursos de licenciatura em Ciências Biomédicas Laboratoriais, Dietética e Nutrição, Enfermagem, Farmácia, Imagem Médica e Radioterapia e Ortoprotesia.

Em conjunto com outras Unidades Orgânicas da UAlg, ministra os mestrados em Gerontologia Social e em Saúde e Segurança no Trabalho. Assegura, ainda, em conjunto com o Instituto Politécnico de Lisboa, o mestrado em Gestão e Avaliação de Tecnologias em Saúde e integra o consórcio internacional responsável pelo mestrado Eramus Mundus em Enfermagem de Emergência e Cuidados Críticos.

Coincidindo com a mudança para o Campus de Gambelas, no ano letivo 2018/19 será lançada uma nova pós-graduação em Enfermagem Comunitária.

Comentários

pub
pub