Vice-presidente da Câmara de Lagoa sai do executivo a 2 de Abril

Nuno Amorim, vice-presidente da Câmara de Lagoa, vai sair do executivo a 2 de Abril, no dia em que faz […]

Nuno Amorim, vice-presidente da Câmara de Lagoa, vai sair do executivo a 2 de Abril, no dia em que faz 50 anos, invocando «razões pessoais».

O presidente da Câmara Francisco Martins revelou ao Sul Informação que, apesar de não ter ainda sido anunciado oficialmente, será o vereador Luís Encarnação a assumir as funções de vice-presidente da autarquia.

No anterior mandato, apesar de Luís Encarnação ser o número 2 da lista ganhadora do PS, Francisco Martins acabou por escolher o número 3, Nuno Amorim, para vice-presidente.

Para preencher o lugar na vereação deixado vago pela saída de Nuno Amorim vai entrar, como vereadora, Ana Cristina Martins, atual diretora do Agrupamento de Escolas Rio Arade, onde tem desenvolvido um trabalho de grande qualidade. O Sul Informação sabe que a futura vereadora, que vai assumir funções a tempo inteiro na Câmara de Lagoa, já comunicou ao Ministério da Educação a sua saída da direção do Agrupamento.

Francisco Martins adiantou ainda que Nuno Amorim tem «projetos pessoais» que quer concretizar, mas garantiu que ele «vai continuar a colaborar» consigo.

Sobre o trabalho desenvolvido pelo até agora vice-presidente na autarquia, o edil lagoense só tem elogios: «fez um excelente trabalho, marcadamente técnico, em áreas tão importantes como a limpeza urbana, que melhorou muito, a rede de abastecimento de água ou mesmo ao nível das perdas de água na rede, que eram enormes».

Francisco Martins acrescentou que Nuno Amorim já tinha pedido para sair, para prosseguir «projetos pessoais», e que só não o fez antes porque «tínhamos coisas importantes em mãos até ao final do mês» de Março.

Nuno Amorim deveria regressar à EMARP, onde era responsável pelo setor de Recursos Humanos, antes de, em 2013, ser eleito como vereador para a Câmara de Lagoa. Mas tudo indica que não o fará, pelo menos para já.

Comentários

pub
pub