Guardas espanhola, francesa e italiana ajudam GNR até final do mês

Segundo a GNR, têm havido «ações de patrulhamento conjunto em locais e eventos de grande densidade populacional»

A GNR de Albufeira e Loulé conta, até 30 de Setembro, com a ajuda de militares das forças congéneres (Guarda Civil, Espanha, Gendarmerie National, França, e da Arma Dei Carabinieri, Itália) para «o sentimento de segurança dos turistas». 

Segundo a GNR, têm havido «ações de patrulhamento conjunto em locais e eventos de grande densidade populacional».

«O patrulhamento conjunto com militares das forças congéneres constitui-se uma mais valia, garantindo uma maior proximidade aos turistas estrangeiros, facilitando a comunicação entre estes e a Guarda», acrescenta.

O apoio prestado aos cidadãos estrangeiros em questões relacionadas com a segurança, bem como, na prestação de qualquer tipo de esclarecimento e informações úteis, por elementos das forças de segurança do seu país de origem, garante uma melhor clarificação dos procedimentos processuais.

Este tipo de cooperação internacional, integrado na estratégia do programa Turismo Seguro, «garante uma maior articulação e entendimento com os restantes atores sociais com responsabilidades em matéria de apoio e proteção dos turistas e de promoção de condições de segurança favoráveis ao incremento do turismo», conclui a GNR.

Comentários

pub
pub