São Brás ganhou ponto de abastecimento de água para combater incêndios

Ponto de água nasceu no lugar da antiga ETAR deste concelho

São Brás de Alportel conta com um novo ponto de abastecimento de meios aéreos de combate a incêndios florestais. O ponto de água Hortas e Moinhos «em muito vem reforçar a capacidade de resposta dos meios de combate do concelho» assegurou a Câmara são-brasense.

Este local para abastecimento de água para combate a incêndios, que foi apresentado ontem, foi criado no local da antiga Estação de Águas Residuais de São Brás de Alportel, a Sul da vila.

Composto por um tanque principal de abastecimento com capacidade para aproximadamente 180m3 de água e um tanque de apoio com capacidade de 120 m3, «o Ponto de Água é alimentado em exclusivo por água de nascente, constituindo-se como um projeto totalmente sustentável e ecológico».

«A defesa da nossa floresta e das nossas populações é uma matéria de primeira prioridade. Foi recentemente efetuado um levantamento exaustivo de todos os pontos de água existentes no concelho, bem como dos seus acessos, de modo a que possamos estar melhor preparados. A prevenção é o melhor caminho e a mais poderosa arma no combate ao flagelo dos incêndios rurais», segundo Vítor Guerreiro, presidente da Câmara de São Brás de Alportel.

Além da apresentação pública deste novo ponto de água, a Câmara de São Brás de Alportel também aproveitou a celebração dos dias mundias da Floresta (dia 21) e da Água (dia 22) para visitar terrenos municipais, localizados em Campina, que acolheram recentemente ações de reflorestação, com plantação de azinheiras numa área global de 30.000m2.

Comentários

pub
pub