Albufeira forma profissionais em Informação e Promoção Turística Local

«Queremos promover e valorizar o que Albufeira tem de melhor», realça José Carlos Rolo

Duas formações em Informação e Promoção Turística Local, que irão dotar 43 formandos de competências nas áreas de património cultural, artístico, religioso, gastronómico e natural do concelho de Albufeira, estão a decorrer, até final de Março.

Estes cursos, que começaram nos dias 4 e 6 de Fevereiro, no “Espaço em Con_tato”, com a presença de Madalena Feu, delegada regional do IEFP, são promovidos pelo Município de Albufeira e pelo Centro de Emprego e Formação Profissional de Faro.

Segundo explica a Câmara de Albufeira, os 43 formandos, «divididos em duas turmas, irão adquirir conhecimentos teóricos sobre o património material e imaterial, a história e as manifestações artísticas existentes em Albufeira. Como complemento, as ações incluem visitas a igrejas, monumentos, espaços vocacionados para diversos desportos, unidades turísticas e de lazer, itinerários de descoberta e outros locais de interesse turístico».

O objetivo da iniciativa, segundo a autarquia, «passa por formar profissionais ligados ao setor turístico para que estes possam transmitir informação de interesse turístico aos milhares de visitantes que escolhem Albufeira como destino de férias».

«Queremos promover e valorizar o que Albufeira tem de melhor e, para isso, contamos com a colaboração destes profissionais ligados à indústria turística que através destas formações ganham competências para poder transmitir informação de relevo aos turistas», destaca José Carlos Rolo, presidente da Câmara Municipal.

Para o autarca, «é importante que os trabalhadores da indústria hoteleira, da restauração, do comércio e de outras áreas que lidam diariamente com os turistas, conheçam e promovam o concelho. Se todos trabalharmos em conjunto nesse sentido, conseguimos prestar um melhor serviço e fidelizar clientes».

As ações incluem diversos conteúdos, «que vão dos recursos e atrações turísticas, aos roteiros do património histórico e cultural, passando pelo artesanato e etnologia, artes e ofícios, atividades recreativas tradicionais, património gastronómico, atividades de desporto aventura, percursos de descoberta, entre outros», realça a Câmara de Albufeira.

Os formandos também estão a aprender a traduzir todos esses conceitos para uma língua estrangeira e a gerir os conteúdos digitais para que possam pesquisar na internet a oferta e publicar as notícias das visitas e dos roteiros.

Comentários

pub
pub