Tavira: Homem acusado de 13 crimes de abuso sexual de crianças e pornografia infantil

Crianças vítimas dos abusos tinham entre 3 e 11 anos

Um homem de 53 anos, suspeito de ter cometido 13 crimes de abuso sexual de crianças, na zona de Tavira, vai ser julgado em Tribunal. Além dos crimes de abuso sexual, o alegado pedófilo, que está em prisão preventiva, desde Julho do ano passado, foi ainda acusado de cinco crimes de pornografia de menores, anunciou esta terça-feira, o Ministério Público.

Segundo a acusação, «os factos ocorreram a partir de 2012, nas casas onde o arguido viveu, situadas na área de Tavira, quando as crianças abusadas tinham entre 3 e 11 anos de idade».

Duas das crianças são familiares do homem e a terceira é da família da sua companheira.

A investigação foi dirigida pelo Ministério Público do DIAP de Faro (secção de Tavira), com a coadjuvação da Polícia Judiciária de Faro.

Comentários

pub
pub