Morreu Santos Serra, antigo presidente da Assembleia Municipal de Albufeira

Médico, escritor e político morre aos 92 anos

Manuel Santos Serra, antigo presidente da Assembleia Municipal de Albufeira e fundador do Partido Socialista no Algarve, morreu esta quarta-feira, aos 92 anos. O social-democrata José Carlos Rolo, presidente da Câmara de Albufeira, já decretou três dias de luto municipal.

O edil lembra Santos Serra, médico, político e escritor, como um dos munícipes do concelho «mais importantes de sempre» e como um «amigo de longa data», que «marcou profundamente a vida de todos aqueles que com ele lidaram, não só pela sua inteligência, como pelo seu vasto saber e profundo olhar humanista».

Já o PS Algarve, em nota de pesar, considera Santos Serra como «uma das principais referências socialistas no Algarve, admirado pelo seu altruísmo, sempre disponível para ajudar o seu semelhante e respeitado por todos pelo seu exemplo ético e pela participação cívica e política, antes e depois do 25 de Abril».

O ex-autarca foi homenageado no último Congresso Regional do PS, que decorreu em Março, numa cerimónia que teve um testemunho de António Costa, secretário-geral do partido e primeiro-ministro, de «quem era amigo de longa data».

Manuel Santos Serra nasceu em Silveira, no concelho de Penela, em 1926. Aos sete anos, mudou-se para Albufeira e, nos anos 50, concluiu, em Coimbra, o curso de Medicina.

Entre 1975 e 1997 foi diretor do Centro de Saúde de Albufeira e, durante três mandatos (1983-1987, 1992-96 e 1997-2001) foi presidente da Assembleia Municipal.

Colaborou em diversas publicações da sua especialidade, como o Jornal do Médico, tendo igualmente marcado presença nas colunas de diversos jornais regionais, onde publicou crónicas de intervenção política e contos. Pertenceu à Ordem dos Médicos, à Associação dos Jornalistas e Escritores do Algarve, ao Círculo Teixeira Gomes e à Associação dos Amigos de Albufeira.

Nas tertúlias em que participava, defendia valores do Humanismo, da Liberdade e da Democracia.

 

Comentários

pub
pub