Casa do Artesão nasceu no coração de São Brás de Alportel

A Casa do Artesão, que quer valorizar o artesanato e a produção local, foi inaugurada no sábado, 20 de Janeiro, […]

A Casa do Artesão, que quer valorizar o artesanato e a produção local, foi inaugurada no sábado, 20 de Janeiro, no Centro Histórico de São Brás de Alportel. 

Este era um «momento há muito aguardado», segundo a Câmara de São Brás.

Na inauguração estiveram Vítor Guerreiro, presidente da Câmara Municipal, Marlene Guerreiro, vice-presidente daquela autarquia, João Rosa, presidente da Junta de Freguesia de São Brás de Alportel, Mariana Prates, presidente da direção da Associação de Artesãos “Esfera Triunfante”, e Alexandra Gonçalves, diretora regional de Cultura do Algarve.

A Casa do Artesão, instalada num espaço adjacente ao Centro de Artes e Ofícios, está localizada no Centro Histórico de São Brás de Alportel mais concretamente no Largo do Mercado, local recordado como “Barreira”, onde ainda ecoam as memórias de outros tempos quando ali se encontravam as gentes, se realizavam as mercas e se agitava a vida social da comunidade são-brasense, como recordou Marlene Guerreiro.

Uma homenagem a artesãos e mestres de ofícios, uma “espécie de Arca de Noé” dos saberes de experiência feitos, artes da terra e da serra, este novo espaço é também um compromisso como o futuro, representando a mais recente aposta do Município de São Brás de Alportel na preservação do seu património material e imaterial.

Para Vítor Guerreiro «é fundamental aliar à preservação da tradição a inovação, pela mão dos jovens são-brasenses, trazer para o presente e levar para o futuro estes saberes que são marca da nossa identidade e que podem contribuir para o desenvolvimento sustentável do nosso território».

Já Alexandra Gonçalves deixou palavras de alento aos «guardiões» deste património material e imaterial e um apelo para que este projeto seja vivido por todos.

A Casa do Artesão vai ser dinamizada pelo município, em parceria com os artesãos e produtores de São Brás de Alportel que aqui vão trabalhar ao vivo, realizar oficinas de artesanato, mostras de produtos e outras iniciativas na missão de preservar e promover os saberes ancestrais e artesanais algarvios.

Esta Casa do Artesão é uma ação integrada no Plano de Revitalização do Centro Histórico, que pretende criar um novo polo de interesse turístico no concelho.

Este novo espaço vem reforçar as várias iniciativas que o Município tem vindo a desenvolver na área da preservação e promoção do património material e imaterial do concelho enquanto legado importante e identitário para as atuais gerações e para as gerações futuras.

Todos os artesãos e produtores locais interessados em participar neste projeto deverão contactar o município através do telefone 289 840 210 ou email artes.oficios@cm-sbras.pt.

Comentários

pub