Câmara de Loulé lança projeto de sinalização de idosos isolados nas freguesias urbanas

O projeto de identificação de situações de isolamento de idosos em contexto urbano no concelho de Loulé «Idosos em família» […]

O projeto de identificação de situações de isolamento de idosos em contexto urbano no concelho de Loulé «Idosos em família» vai arrancar na amanhã, terça-feira, em Quarteira.

A iniciativa pretende sinalizar pessoas idosas, em situação de isolamento, em contexto urbano, residentes nas freguesias de Quarteira, S. Clemente, S. Sebastião e Almancil.

Ao brigo deste projeto, a população com idade igual ou superior a 65 anos, irá ser contactada por técnicos das entidades envolvidas, no sentido de se diagnosticar as situações de isolamento em que vivem e suas condições sociais, que permitam à Autarquia e entidades de primeira linha conhecer as suas problemáticas e necessidades.

«Simultaneamente, pretende-se fomentar o aumento das suas competências de cidadania, através de bens culturais, bem como a troca de hábitos e modos de vida diferentes, permitindo a partilha de conhecimentos e aprendizagens e a vivência de experiências novas, com vista à promoção da melhoria do bem-estar físico, mental e o equilíbrio emocional», revelou a Câmara de Loulé numa nota de imprensa.

Posteriormente a esta fase, em setembro deste ano, será organizado um Fórum para apresentação dos resultados obtidos, com o fim de se delinear um retrato socioeconómico das freguesias analisadas e ainda, de se desenvolver um profundo debate sobre as políticas sociais a prosseguir.

A iniciativa que amanhã será lançada no terreno foi pensada no âmbito do Ano Europeu de Envelhecimento Ativo e Solidariedade entre Gerações (2012) onde se pretendeu, de modo geral, promover a inclusão social dos idosos e o envelhecimento saudável.

«Refira-se que a Autarquia de Loulé tem vindo a promover, ao longo dos anos, várias iniciativas de âmbito recreativo, lúdico, artístico e sociocultural, tendo como finalidade contribuir para a ocupação saudável dos tempos livres desta população alvo, promover uma dinâmica de convívio e confraternização dos idosos do Concelho, no sentido de se evitar o seu isolamento social e geográfico», acrescentou a Câmara.

Comentários

pub
pub