Livro conta a história de Joana, a menina que sofreu um aneurisma

Obra é editada pela Arandis

O livro “Os Camelos Salvam Vidas”, de Joana Moreira Baptista, que conta a história do aneurisma que esta jovem sofreu, é apresentado no próximo dia 21 de Setembro, às 17h00, na Casa Manuel Teixeira Gomes, em Portimão. 

A obra é uma história contada na primeira pessoa. Joana Moreira Baptista, que tem atualmente 15 anos, sofreu um aneurisma com duas hemorragias e foi operada no dia 21 Janeiro de 2016.

Por iniciativa da própria e incentivada pela psicóloga, escreveu este livro com a descrição real e emocional dos factos.

«Eu não quero que as pessoas tenham pena de mim. Eu quero que entendam a minha história. Não vou salvar vidas com o meu livro, mas, se conseguir que apenas uma pessoa entenda as suas lições, já valeu a pena tê-lo escrito», diz Joana.

«Se eu conseguir que apenas uma pessoa me perceba, já valeu a pena ter escrito este livro», acrescenta.

O lançamento do livro acontece naquele que foi considerado o Dia Mundial da Gratidão (21 de Setembro). Este dia teve origem em 1965, no Hawai, onde se realizou um encontro internacional sobre a ideia de tirar um dia do ano para agradecer formalmente por todas as coisas de bem que se encontram no mundo.

A obra, que é promovida pela exAgitar – Associação Cultural, Social e Desportiva e editada pela Arandis, conta com prefácio de Paulo Sargento, introdução de Marina Carvalho e ilustração da capa de João Sena.

Tem, ainda, apoios da  Junta de Freguesia de Portimão e Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes.

Comentários

pub
pub