Escuteiros de Tavira, Faro e Lagoa representaram o Algarve no Acampamento Mundial [com fotos]

Escuteiros algarvios fizeram parte do contingente nacional de 820 escuteiros que participaram neste evento internacional

28 escuteiros algarvios, a larga maioria dos quais do Agrupamento 100 de Tavira do Corpo Nacional de Escutas (CNE) estiveram entre 20 de Julho e 7 de Agosto nos Estados Unidos da América para participar no Acampamento Mundial (Jamboree), que se realizou na Virgínia Ocidental.

Este 24º encontro mundial contou com mais de 45 000 escuteiros de todo o mundo, 820 dos quais vindos de Portugal. Do contingente algarvio, 20 elementos – 14 jovens participantes (dos 14 aos 18 anos), dois líderes adultos que acompanharam os participantes em campo e quatro IST (Equipa Internacional de Serviço- membros do STAFF com mais de 18 anos) – eram do agrupamento 100 de Tavira e os restantes dos de Carvoeiro e da Sé de Faro.

«Este sonho começou há cerca de 2 anos com a apresentação da atividade aos elementos e pais, que começaram logo as angariações de fundos para tornar esta realidade possível. Desde então, o agrupamento realizou diversas iniciativas como a venda de bolachas, de rifas, eventos como a Grande Caracolada à Escuteiro, Arraial Escutista, bailes de carnaval, participação em feiras e mercados, entre muitos outros. Com estas angariações foi possível proporcionar a oportunidade a todos aqueles que queriam participar nesta atividade, sem olhar às possibilidades financeiras de cada elemento», descreveu o 100 de Tavira.

Desta forma, os jovens de Tavira e outros escuteiros do Algarve marcaram presença no acampamento, uma organização conjunta dos escuteiros do Canadá, México e América que decorreu no Campo de Atividades Escutistas dos Boy Scouts of America na Reserva Nacional Família Bechtel.

 

 

«O Summit Bechtel Reserve (local de acampamento) situa-se no coração do estado de West Virgínia nos EUA, é administrado pelos escuteiros americanos e encontra-se devidamente preparado para este tipo de atividade, com todas as infraestruturas necessárias. O campo disponibiliza também diversas atividades, nomeadamente, arborismo, slide, padle, BTT, skate, canoagem, as quais funcionaram durante todo o acampamento com o apoio dos IST», acrescentou o agrupamento tavirense.

As atividades foram pensadas «para que os participantes pudessem circular pelo campo em duplas e assim conseguirem conhecer novos escuteiros de todo o mundo, fazendo novas amizades, trocando insígnias, lenços entre si, sendo esta uma parte essencial das atividades de grandes dimensões».

Além de participar no Jamboree Mundial, que terminou no dia 2 de Agosto, os escuteiros de Tavira tiveram ainda a oportunidade de conhecer um bocado mais dos EUA, «voando para Nova York, a “cidade que nunca dorme”. Durante 5 dias, os elementos conheceram muitos dos recantos daquela cidade, visitando a ilha de Manhattan, o Empire State Building, a Times Square, o Museu Metropolitano de Arte, a Ponte de Brooklyn ou o Museu de História Natural, entre muitas outras coisas fantásticas que Nova York tem para mostrar».

Os escuteiros de Tavira já estão a preparar o Eurojam 2020, Jamboree Europeu que se realiza no Próximo ano em Gdansk, na Polónia.

 

Fotos: Agrupamento 100 de Tavira

Comentários

pub
pub