Festival Islâmico volta a animar Mértola

Mértola vai celebrar a sua herança islâmica

O Centro histórico de Mértola já está a encher-se dos panos coloridos e caniços que compõem o Souk de mais um Festival Islâmico, que vai decorrer entre os dias 16 e 19 de Maio.

O centro histórico da vila começou a ser engalanado e a dar uma imagem daquilo que será o festival, que promete surpreender os visitantes.

«O primeiro impacto quando o visitante chegar ao Festival Islâmico é com arte e com arquitetura. Como elementos decorativos estão a fonte e a água, elementos muito ligados à cultura muçulmana, e o mural, um elemento de Mértola», descreve a Câmara mertolense.

Os artistas que idealizaram a fonte «inspiraram-se em Chefchaouen, Marrocos, e na Alhambra de Granada, em Espanha. O mural é inteiramente dedicado ao nosso património, é uma planificação de uma das talhas que está em exposição no Museu de Mértola».

Nas ruas estreitas da vila velha há mais dois apontamentos decorativos, os pórticos, «um principal e outro mais recuado no local da antiga Porta de Beja, que assinalava a entrada na zona amuralhada».

Tudo isto é conseguido com «um trabalho a muitas mãos, toda elas de funcionários da Câmara Municipal de Mértola».

Nesta 10ª edição do certame, a Câmara de Mértola promete «um imenso programa cultural, que pretende mais uma vez reforçar os laços da herança islâmica e a identidade cultural que liga todos os países do Mediterrâneo», onde se incluem concertos, exposições, música, oficinas e conferências».

Comentários

pub
pub