Jovem morre soterrado numa obra no Montenegro

Vítima era residente na Praia de Faro

Um jovem trabalhador, de 34 anos, residente na Praia de Faro, morreu, na manhã desta segunda-feira, 8 de Abril, soterrado pelo desabamento de uma parede numa casa em obras, no Montenegro (Faro). 

O alerta foi dado às 11h25. Ao Sul Informação, José Tomás Valente, comandante dos Bombeiros Sapadores de Faro, disse que, quando chegaram ao local, «encontraram o trabalhador já sem vida e parcialmente soterrado».

«Pelo que percebemos, antes do acidente, estavam a colocar uma viga para segurar a parede que acabou por ruir», explicou ao nosso jornal.

Como se pode ver nas fotos feitas pelo Sul Informação, as obras de requalificação passavam pela reconstrução do telhado da casa, de paredes de taipa e alvenaria.

Steven Sousa Piedade, presidente da Junta de Freguesia de Montenegro, lamentou «profundamente esta perda». «Estive presente no local e disponibilizámos todos os serviços da autarquia necessários».

Ao que o nosso jornal observou no local, a obra não ostenta a obrigatória placa de licenciamento. Fonte da Câmara de Faro garantiu mesmo que «não há nenhum registo de pedido de licenciamento para esta obra».

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro disse ao Sul Informação que a assistência envolveu 12 operacionais e cinco veículos, dos Bombeiros Sapadores de Faro, INEM e GNR.

Também foi mobilizada uma Unidade Móvel de Assistência Psicológica do INEM.

A obra está, para já, parada.

 

Fotos: Hugo Rodrigues | Sul Informação

 

Comentários

pub
pub