Filipe Santos bateu recorde do mundo em natação adaptada

Filipe Santos, atleta de natação adaptada do Futebol Clube (FC) Ferreiras, bateu, no passado dia 18 de Fevereiro, o  recorde […]

Filipe Santos, atleta de natação adaptada do Futebol Clube (FC) Ferreiras, bateu, no passado dia 18 de Fevereiro, o  recorde do mundo dos 25 metros livres, na classe S21 (Síndrome de Down), com a marca de 14,15 segundos.

O nadador superou, ainda, um recorde da Europa, que já lhe pertencia, ao nadar os 25 metros mariposa em 15,89 segundos.

O sul africano Sean O’Neil era o anterior detentor do recorde do mundo, que não era batido desde 2007. Na altura este nadador demorou 14,56 segundos a completar os 25 metros livres.

Quanto à recorde europeu, este tinha sido fixado por Filipe Santos nos 15,92 segundos.

O atleta algarvio garantiu, ainda, os mínimos para o Europeu DSISO, para atletas com Síndrome de Down, que se realizará em Paris, ao fazer os 100 metros estilos em 1:26.51 minutos, e os 50 livres em 32,588 minutos.

Além de Filipe Santos também José Vieira, Alexandre Silva e João Pedro Antunes participaram no Campeonato Nacional de Natação Adaptada, na Mealhada. E os resultados foram muito positivos para todos os atletas.

Filipe Santos sagrou-se campeão nacional absoluto (S21), nos 50 metros mariposa e livres, nos 100 metros estilos, 25 metros livres, 100 metros livres, 200 metros livres, 4×100 metros estilos e 4×100 metros livres, conquistando, no total, oito medalhas de ouro.

Por seu turno, José Vieira sagrou-se também campeão nacional absoluto (S21) nos 25 e 50 metros bruços, nos 4×100 metros estilos e nos 4×100 metros livres, ganhando quatro medalhas de ouro. Foi, ainda, vice-campeão nacional absoluto (S21) nos 200 metros bruços, 100 metros bruços e bateu o recorde nacional nos 25 metros bruços.

Alexandre Silva e João Pedro Antunes sagraram-se, por fim, campeões nacionais absolutos (S21) em 4×100 metros estilos e 4×100 metros livres.

A equipa de natação adaptada do FC Ferreiras foi a mais medalhada na classe S21 com oito medalhas de ouro individuais, duas em estafeta, e duas medalhas de prata.

A direção do clube já manifestou o seu contentamento por este título mundial e todos os recordes nacionais e europeus que os seus atletas acabam de conquistar. «Os resultados são fruto de um trabalho muito sério, nem sempre fácil, mas cheio de dedicação e respeito pelos nossos grandes atletas. Não é de todo fácil juntar quatro atletas numa só equipa de estafeta», refere.

Para Carlos Silva e Sousa, presidente da Câmara de Albufeira, «os resultados do Filipe e de toda a sua equipa constituem um imenso orgulho e um grande exemplo para todos os jovens».

O autarca sublinha que «devemos apoiar e realçar todos os exemplos de excelência que existem no nosso concelho, no domínio desportivo, sem esquecer que a prática desportiva, além de produzir campeões como é o caso, deve contribuir para que tenhamos melhores cidadãos, mais tolerantes, mais fraternos e mais competentes».

 

(Atualizado às 17h47 com mais informação sobre outras conquistas do FC Ferreiras)

 

Veja mais fotos desta conquista:

 

 

 

Comentários

pub
pub