Portimonense perde e dá a primeira vitória ao Estoril-Praia

O “capitão” João Coimbra deu hoje a primeira vitória ao Estoril-Praia na Liga de Honra em futebol ao apontar o […]

O “capitão” João Coimbra deu hoje a primeira vitória ao Estoril-Praia na Liga de Honra em futebol ao apontar o único golo do encontro frente ao Portimonense, em jogo antecipado da terceira jornada.

O Estoril-Praia tinha registado nas duas primeiras rondas um empate (Sporting da Covilhã) e uma derrota (Atlético), o que estava a deixar os associados algo impacientes, já o Portimonense vinha de um triunfo (2-1) diante da Naval 1.º de Maio.

À procura de primeira vitória no campeonato o Estoril-Praia entrou mais afoito no jogo e por pouco não inaugurou o marcador, aos 10 minutos, quando Rodrigo Dantas, que rematou à figura do guarda-redes Ivo, surgiu isolado à entrada da área do Portimonense após um mau alívio da defensiva algarvia.

Contudo o Portimonense, que se apresentou a jogar em “4-2-3-1”, não vacilou e só não inaugurou o marcador por culpa própria já que Simi, aos 17 minutos, Organista, aos 29, e Rafa, aos 34, tiveram oportunidade para o fazer.

Agradecido por tanta ineficácia, o Estoril-Praia “chegou-se à frente”, aos 37 minutos, por intermédio de João Coimbra, que, na zona de grande penalidade após assistência de Tiago Gomes, deambulou à frente de Ivo e fez o 1-0 para os “canarinhos”.

Na segunda parte, o Estoril-Praia ofereceu o controlo de bola ao Portimonense, aproveitando para gerir o resultado, mas a formação algarvia não soube tirar partido da situação com os atacantes, à semelhança do primeiro tempo, a não conseguirem levar a melhor sobre o estreante Vagner (Ernesto estava ao serviço da seleção de Cabo Verde).

A vencer, o Estoril-Praia jogou menos, aproveitando todas as situações para queimar tempo, uma situação que o árbitro Rui Costa não deixou passar em claro, como aconteceu à passagem do minuto 87 e 90 com os cartões amarelos a Gonçalo Santos e Bruno Di Paula, respetivamente.

Com este triunfo, o Estoril soma agora quatro pontos, mais um que o Portimonense, ultrapassando assim os algarvios na tabela classificativa.

Jogo realizado no Estádio António Coimbra da Mota, no Estoril.

Estoril-Praia – Portimonense, 1-0.

Ao intervalo, 1-0.

Marcadores:

1-0, João Coimbra, 37 minutos.

Equipas:

– Estoril-Praia: Vagner, Anderson Luís, Bruno Nascimento, Steven Vitória, Tiago Gomes, Gonçalo Santos, Rodrigo Dantas (Gerso, 80), João Coimbra, Carlos Eduardo (Bruno Di Paula, 70), Fabrício (Adilson, 63) e Licá.

(Suplentes: Pedro Carvalho, Lameirão, Pedro Moreira, Gerso, Bruno Di Paula, Adilson e Erick).

– Portimonense: Ivo, Ricardo Pessoa, Eliézio, Rúben Fernandes (Vinícius Paqueta, 76), Ricardo Nunes, Semedo, Organista, Ben Traoré, Simi (Tristan, 68), Rafa e Fabrício (Vítor Gonçalves, 60).

(Suplentes: Carlos Henriques, Jonas, Wakaso, Vítor Gonçalves, Zambujo, Vinícius Paqueta e Tristan).

Árbitro: Rui Costa (AF Porto).

Ação disciplinar: Organista (38), Ricardo Nunes (44), Bruno Nascimento (73), João Coimbra (86), Gonçalo Santos (87) e Bruno Di Paula (90).

Assistência: 400 espetadores.

Comentários

pub
pub