pub
Imprimir

Barcos solares da Sun Concept valem prémio Green Project Award à empresa algarvia

A empresa algarvia Sun Concept, com o projeto Sun Concept – Solar Boat Builders, foi a vencedora da nova categoria “Mar” na 10ª edição dos Green Project Awards, cujos prémios foram hoje anunciados, no Porto.

A empresa já agradeceu aos organizadores do prémio – a Agência Portuguesa de Ambiente, a Quercus e a GCI – pelo «reconhecimento do trabalho por um planeta sustentável, com energias renováveis, e a aposta em emprego jovem e qualificado». «Em 2018, seremos ainda melhores», promete a Sun Concept na sua página de Facebook.

No início do ano passado, a empresa já tinha ganho a fase nacional do prémio de empreendedorismo «Chivas The Venture».

Os prémios GPA, cuja cerimónia da 10ª edição decorreu esta sexta-feira na Alfândega do Porto, têm como objetivo distinguir os projetos mais inovadores na área da sustentabilidade em Portugal. Os galardões são atribuídos por categoria, somando-se alguns prémios especiais.

Nesta edição, o prémio Jerónimo Martins/GPA – Investigação e Desenvolvimento Sustentável 2017 foi atribuído ao Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, com o projeto ECO-Zement: Reutilização do resíduo de “cracking” catalítico em leito fluidizado da refinação de petróleo em materiais à base de cimento.

Já o vencedor do prémio Inovação Social Sociedade Ponto Verde/GPA foi o Ineditapanoplia Club com o projeto “Critical Change”, um laboratório que desenvolve soluções acessíveis, eficientes e sustentáveis que permitem combater a pobreza habitacional.

As Menções Honrosas nesta área da Inovação Social foram atribuídas à 1000Rostos, Associação Ação Social, com o projeto Vintage for a Cause, e à BIPP – Inclusão para a Deficiência com o projeto SEMEAR.

Os GPA 2017 também distinguiram Pedro Cunha Serra, especialista em recursos hídricos, bem como a ex-presidente do conselho de administração da Águas de Portugal, e Filipe Duarte Santos, especialista na área das Alterações Climáticas e presidente do Conselho Nacional do Ambiente, isto no âmbito do prémio Especial Carreira pela Sustentabilidade, que resulta de nomeação direta do Ministro do Ambiente e do presidente da Câmara do Porto.

Quanto às várias vertentes dos GPA, na área da “Agricultura”, saiu vencedor a AsfertGlobal Lda, com o projeto Kiplant iNmass, enquanto na categoria “Cidades e Mobilidades Sustentáveis” saiu vencedora a Casas em Movimento, com o projeto “Smart Kiosk in Motion”.

Já a categoria “Gestão Eficiente de Recursos” premiou a Prio Biocombustíveis SA. com o projeto Prio Top Level – Waste to Biofuels, e a dedicada à indústria premiou a Bitclicq, com o projeto Big Eye – Smart Fishing.

O Ocean Alive, com o “Mariscar Sem Lixo”, foi o vencedor da categoria “Iniciativa de Mobilização”, e a algarvia Sun Concept, com os seus barcos solares, foi a vencedora da categoria mar. Na área do turismo, saiu premiada a Neya Lisboa Hotel.

A Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas ganhou a categoria “Iniciativa Jovem”, pelo seu projeto Biocompostor, enquanto o Agrupamento de Escolas Rio Novo do Príncipe, de Cacia, e a Escola EB 2,3 D. Afonso IV, Conde de Ourém, receberam menções honrosas.

Comentários

pub