PAN foi o primeiro partido a visitar Estabelecimento Prisional de Faro

Candidatos do PAN pelo Algarve apresentaram propostas para o sistema prisional

Os candidatos do PAN – Pessoas – Animais – Natureza pelo Algarve visitaram o Estabelecimento Prisional (EP) de Faro para dialogar com os seus responsáveis e reclusos. Esta foi, garantem, a primeira vez que um partido político visitou a prisão farense.

Na visita, na qual participaram Paulo Baptista, o cabeça de lista do PAN pelo Algarve, Susana Santos (nº2 da lista) e Alexandre Pereira, o PAN deu a conhecer as suas ideias programáticas sobre o sistema prisional e a visão que tem «de uma justiça reparadora, no sentido de abrir caminho a um regresso destas pessoas à vida ativa, onde possam recomeçar e voltar a ser cidadãos plenos na sociedade».

As medidas propostas vão desde o incentivo à proximidade da família, ao estímulo da frequência escolar, passando por estratégias de socialização de reclusos e a criação de condições para que estes voltem à vida ativa, após sair da prisão.

O PAN também tem propostas a pensar nos guardas prisionais, nomeadamente «reforçar os direitos dos trabalhadores em regime de trabalho noturno e por turnos, nomeadamente, revendo os critérios de compensação e de descanso».

De caminho, falaram com alguns reclusos, bem como com Alexandre Gonçalves, diretor do estabelecimento há vários anos.

Segundo o responsável pelo estabelecimento prisional, este ano há 18 reclusos que mostraram vontade em votar, entre os 70 que podem exercer o direito (são 105 os reclusos, no total). Um número que deixa Alexandre Gonçalves satisfeito tendo em conta que, disse, há eleições em que ninguém vota.

Comentários

pub
pub