Ano novo “trouxe” uma Brigada de Intervenção do Corpo de Bombeiros a São Brás de Alportel

Executivo visitou o Quartel de Bombeiros no início do ano

São Brás de Alportel tem, desde o início do ano, uma Brigada de Intervenção do Corpo de Bombeiros. A entrada em funções desta brigada foi possível devido à criação de uma nova Equipa de Intervenção Permanente, suportada pela Câmara Municipal, e que vai custar 70 mil euros por ano.

Vítor Guerreiro, presidente da Câmara, Marlene Guerreiro, vice-presidente, e David Gonçalves, vereador, visitaram o Quartel de Bombeiros Voluntários, no dia 2 de Janeiro para conhecer os novos elementos da Brigada de Intervenção.

«Esta é a nossa missão enquanto autarcas: proteger as nossas populações», sublinhou Vitor Guerreiro que lembrou que a autarquia está atenta e sempre disponível para ajudar a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel a prosseguir a sua vital missão de apoio à comunidade.

«Os bombeiros estão cá todos os dias para ajudar os que mais precisam, são os nossos heróis, para quem a Câmara Municipal fará sempre todos os esforços que estiverem ao seu alcance», prosseguiu o presidente da Câmara Municipal, Vitor Guerreiro, apresentando o seu agradecimento e reconhecimento aos bombeiros.

A Câmara de São Brás explica que, «com o apoio do Município, foi possível à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel integrar cinco novos elementos profissionais que reforçam o Quadro de Bombeiros, permitindo assim a criação de uma Brigada de Intervenção».

Este reforço de elementos «assegura a criação de três equipas de quatro bombeiros que passam a assegurar os vários turnos de forma permanente».

Custódia Reis, presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel, considera que este «é um marco muito importante para todos» e destacou o papel da autarquia na concretização deste aumento da capacidade de resposta e socorro à população.

Comentários

pub
pub