José Gonçalves já assumiu presidência da Câmara de Aljezur, Fátima Neto é vice

José Gonçalves assumiu, desde o passado dia 23, a presidência da autarquia de Aljezur, como consequência do pedido de suspensão […]

José Gonçalves assumiu, desde o passado dia 23, a presidência da autarquia de Aljezur, como consequência do pedido de suspensão de mandato por parte do anterior edil José Amarelinho.

O pedido, salienta a Câmara de Aljezur em nota de imprensa, foi «apreciado e votado em reunião extraordinária da autarquia», tendo determinado «a substituição nas funções de presidente da autarquia de José Amarelinho pelo seu vice-presidente José Gonçalves».

«Este pedido de suspensão de mandato foi um ato da inteira e livre vontade pessoal de José Amarelinho, pelas razões que apenas ao próprio importam, e que assim merece o respeito de todos», acrescenta a nota da autarquia.

Nos termos do estabelecido na lei, a suspensão do mandato do presidente da Câmara eleito implica que este cargo «passe a ser exercido pelo candidato colocado em segundo lugar na lista vencedora das eleições autárquicas».

Entretanto, a vereadora Fátima Neto foi designada como nova vice-presidente da Câmara de Aljezur.

Além disso, para completar o executivo (o PS tem três elementos eleitos para a Câmara), foi chamado o elemento imediatamente a seguir da lista do PS. Neste caso, essa responsabilidade recai sobre o quarto elemento da lista concorrente às Eleições Autárquicas de 2017, António Carvalho, que já tinha sido vereador no anterior mandato.

O agora presidente da Câmara José Gonçalves garante que a autarquia «continuará a desenvolver todas as suas atividades, dando plena execução ao programa político maioritariamente sufragado pelos eleitores a quando das últimas Eleições Autárquicas».

O novo edil pretende ainda «continuar a desempenhar o mandato com total empenho e dedicação, defendendo intransigentemente os interesses da população e do território».

«O mandato que foi conferido pelos eleitores deve ser exercido em benefício de todos os cidadãos, associações e empresas que interagem com o território. Esta é a garantia que fica e marcará a atuação do presente Executivo. O compromisso mantém-se e a vontade de executa-lo é inabalável», acrescenta.

José Gonçalves acrescenta que «o ponto em que estamos resultou do esforço de todos os que contribuíram para aqui chegarmos e o ponto a que nos dirigimos no futuro será de grande ambição e resultará do empenho e dedicação de todos».

«Todos os projetos em curso continuarão e novos surgirão no decurso do desenrolar do atual mandato, em conformidade com as oportunidades estabelecidas e o programa autárquico que susteve a eleição dos atuais membros do executivo, sufragado nas últimas eleições de 2017», disse ainda o autarca.

«Na sequência deste desígnio, é este o propósito, que acreditamos ser comum a todos. De todos e de cada um dos autarcas eleitos, dos trabalhadores do Município e restantes autarquias, dos cidadãos, das associações, demais forças vivas e empresas do Município, na construção dum futuro comum porque, afinal, todos contam!», concluiu o presidente da Câmara de Aljezur.

Ficará desta forma constituído o atual executivo (permanente e não permanente) da Câmara Municipal de Aljezur:
Presidente – José Gonçalves (PS)
Vereadores:
– Fátima Neto (PS)
– António Carvalho (PS)
– Rogério Furtado (PCP-PEV)
– Helder Cabrita (PPD/PSD+CDS-PP+MPT)

Comentários

pub
pub