Farense teve cabeça para vencer o Estoril

Dois jogos, duas vitórias para os comandados de Sérgio Vieira

O Farense venceu o Estoril por 1-2, em jogo da 2ª jornada da II Liga de futebol, disputado este domingo, 18 de Agosto. Os algarvios apostaram os dois golos de cabeça e após pontapés de canto.

O Farense apostou num 4-4-2 para o ataque à vitória no Estoril. Irobiso foi titular na frente, com Fabrício Simões. O jogo começou mexido, com as equipas a quererem mostrar um bom futebol.

Aos 5′, Rafael Barbosa teve o primeiro lance de perigo. O jogador, emprestado pelo Sporting ao Estoril, dominou a bola na esquerda, fletiu para o meio e, junto à entrada da área, rematou com perigo. A bola saiu perto da baliza de Hugo Marques.

Depois de Irobiso ter desperdiçado uma oportunidade clara (aos 20′, com a baliza totalmente escancarada), o Farense havia mesmo de conseguir chegar ao golo.

Um canto, batido na direita, encontrou Matheus Silva, solto de marcação, com o defesa direito dos algarvios a cabecear para o 0-1. Estavam jogados 23 minutos.

 

 

O Farense chegou à vantagem, mas a verdade é que o Estoril esteve perto de empatar, logo aos 30′. Rafael Barbosa, um dos melhores jogadores em campo, rematou, dentro da área, para defesa apertada de Hugo Marques.

O aviso estava dado e o tento dos canarinhos aconteceu pouco depois. Aos 41′, Roberto, com um toque de calcanhar, fez o empate, após um lance muito bem estudado – e, quase todo, ao primeiro toque.

Mas este era um jogo que o Farense queria decidir com cabeça. Aos 54 minutos, de um novo canto, surgiu o 1-2 para os algarvios. O cruzamento foi de Furlan e o cabeceamento do defesa central Luís Rocha.

O Estoril, porém, quase empatou pouco tempo depois. Juninho, após uma desmarcação de Daniel Bragança, teve uma chance flagrante, mas, já dentro da área, atirou às malhas laterais (58′).

Com esta vitória, os algarvios somam seis pontos. Na próxima jornada (a 3ª), o Farense recebe o FC Porto B.

Comentários

pub
pub