Faro avança com programa de esterilização de gatos

Programa tem como objetivo prioritário controlar a taxa de natalidade de gatos em Faro

A União de Freguesias de Faro (Sé e São Pedro) já começou a implementar o programa de esterilização de gatos em 36 colónias identificadas. 

Este programa tem como objetivo prioritário controlar a taxa de natalidade de gatos existente na cidade de Faro, uma vez que, um casal de gatos pode ter duas ou mais ninhadas por ano, podendo vir a gerar exponencialmente perto de 2000 animais ao fim de um período de três anos.

«Esta é uma realidade que importa combater pelo que é fácil tomar consciência de como é importante tomar medidas eficazes de controlo desta situação, garantindo sempre o bem-estar dos animais capturados», diz a autarquia.

Contudo, além do controlo da taxa de natalidade, esta medida visa promover a melhoria da saúde pública, diminuir incómodos e casos de insalubridade, bem como assegurar melhores condições de sobrevivência dos gatos e de controlo mais eficaz nestas colónias. Em termos práticos, será efetuada a identificação eletrónica, esterilização, desparasitação e respetiva vacinação antirrábica nos animais identificados nas colónias.

O programa está a ser implementado com a colaboração dos proponentes do projeto, que venceu o Orçamento Participativo, das respetivas cuidadoras das colónias, de clínicas veterinárias solidárias aderentes, contanto ainda com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Faro.

Para implementação deste projeto foi estabelecido um Protocolo com a Ordem dos Médicos Veterinários por forma a incluir a União das Freguesias de Faro no Programa Nacional de Apoio à Saúde Veterinária para Animais de Companhia em Risco – Cheque Veterinário, estando prevista a sua conclusão em Novembro deste ano.

Comentários

pub
pub