Furnazinhas vão ter fibra ótica

Instalação da fibra permitirá que os cerca de cem habitantes desta pequena localidade castro-marinense passem a ter melhor acesso a telecomunicações

A pequena povoação das Furnazinhas, na freguesia de Odeleite, em Castro Marim, vai ter fibra ótica. Este serviço, que será instalado na antiga escola primária da aldeia, «permitirá agora acesso às telecomunicações, um ansejo antigo desta povoação serrana, com cerca de 100 habitantes», revelou a Câmara castro-marinense.

A obra de instalação de fibra ótica nas Furnazinhas foi contratualizada ontem pela autarquia. «Além do desenvolvimento e melhoria das condições de vida da população residente, a concretização desta iniciativa representa também uma indiscutível valorização do interior do concelho de Castro Marim, funcionando como fator de atratividade a novos residentes e como alavanca no setor do turismo», acredita a Câmara de Castro Marim.

Esta iniciativa é uma ação piloto da autarquia de Castro Marim, que será testada e avaliada para depois poder ser replicada noutros aglomerados populacionais do interior do concelho.

Segundo o presidente da Câmara Francisco Amaral, «a tão desejada descentralização de competências devia passar também por questões que se prendem com o ordenamento do território, permitindo aos municípios combater de uma forma efetiva a desertificação do interior, que passa, sem dúvida, por facilitar a construção, melhorar os acessos rodoviários, concretizar o abastecimento de água domiciliária nestes territórios e promover o acesso às telecomunicações, e não pelos programas, estudos e observatórios que temos visto desenvolvidos».

Comentários

pub
pub