Governo quer proibir “drones” de sobrevoarem órgãos de soberania

Apertadas as regras para o uso de drones

O Governo quer proibir os “drones” de sobrevoarem e de se aproximarem a menos de 100 metros dos edifícios onde funcionem órgãos de soberania, infraestruturas críticas ou pontos sensíveis, como aeroportos, instalações militares, policiais e cadeias.

Os locais de interdição constam da proposta de lei ontem aprovada pelo Governo que regula o uso de aeronaves não tripuladas (“drones”) e estabelece as regras de uso no espaço aéreo nacional.

Leia mais no Jornal de Notícias

 

Comentários

pub
pub