Festa do Basquetebol torna Albufeira «ainda mais jovem e viva» até domingo [com fotos]

Vêm de várias regiões do país e, até domingo, 8 de Abril, tornam Albufeira «ainda mais jovem, viva e dinâmica», […]

Vêm de várias regiões do país e, até domingo, 8 de Abril, tornam Albufeira «ainda mais jovem, viva e dinâmica», na opinião de José Carlos Rolo, presidente da Câmara Municipal. A Festa do Basquetebol Juvenil começa hoje, 4 de Abril, e vai juntar cerca de 1400 atletas para disputar um total de 198 jogos, em seis pavilhões do concelho.

Mas, ainda antes da bola começar a entrar no cesto, houve direito a uma cerimónia de abertura, na Praça dos Pescadores, um dos ex-libris de Albufeira. Os jovens jogadores desfilaram, com equipamentos e até bandeiras dos vários distritos, mostrando-se ao público.

Nesta edição, participam seleções regionais dos escalões de sub-14 e sub-16 masculinos e femininos.

Os jogos, de entrada livre (limitada à lotação dos pavilhões), decorrem no Pavilhão Municipal de Albufeira, Pavilhão Desportivo da Escola Básica e Secundária de Albufeira, Pavilhão Desportivo da Escola Secundária de Albufeira, Pavilhão Francisco Neves, Pavilhão da EB 2,3 Francisco Cabrita e Pavilhão de Olhos de Água. As finais estão marcadas para a manhã de domingo, dia em que se realiza também o “All-Star Game”.

No final, só uma equipa, em cada escalão, sairá vencedora, mas o evento quer ser muito mais do que uma mera competição desportiva.

«Esta festa é a melhor resposta às pessoas que muitas vezes falam e fazem mal ao desporto», defendeu José Carlos Lima, coordenador do Plano Nacional de Ética no Desporto, presente na cerimónia.

Já há seis anos que Albufeira recebe esta festa, mas José Carlos Rolo garantiu que a cidade está «sempre de portas abertas para organizar mais e mais festas deste tipo».

«Não podemos ganhar tudo, mas uma vitória já está: estarmos todos aqui e em pleno convívio e sintonia», resumiu o edil.

Manuel Fernandes, presidente da Federação Portuguesa de Basquetebol, também não faltou à cerimónia de abertura e mostrou e o seu grande entusiasmo. «Sentimo-nos felizes por celebrar aquele que todos dizem ser o maior evento desportivo juvenil federado do país. Nós sentimos orgulho na ousadia, no arrojo e na competência de quem quer organizar uma competição com esta grandiosidade», disse, perante as muitas palmas dos jovens jogadores.

E como é intenção «inovar em todas as edições», este ano haverá, por exemplo, um prémio para a melhor claque e também para o árbitro com melhor atitude. Um dos temas centrais do festa será, também, a «busca por bons comportamentos e valores que afirmem e valorizem o basquetebol»: ou seja, o tão aclamado fairplay.

Todos os jogos vão ter estatística oficial e serão transmitidos por live streaming. A Festa tem, ainda, uma vertente solidária. Este ano, cada participante irá contribuir com 2 euros, o dobro do valor inicial, estando prevista a angariação de cerca de 2800 euros para o Centro Paroquial de Paderne.

Comentários

pub
pub