O “Lago do Dragão Azul” em Odeleite deixou os chineses “de olhos em bico”

Os chineses andam de “olhos em bico” com a Barragem de Odeleite, mas, na aldeia que dá nome ao lago, […]

Os chineses andam de “olhos em bico” com a Barragem de Odeleite, mas, na aldeia que dá nome ao lago, ainda não começaram a chegar turistas de máquina fotográfica para guardar memórias do chamado – nas redes sociais – Rio do Dragão Azul. Tudo isto porque o utilizador da rede social Reddit @docious partilhou esta imagem, no dia 14 de setembro, captada num voo entre Amesterdão e Marraquexe, que sobrevoou o Algarve.
OdeleiteAs semelhanças entre a barragem de Odeleite e um dragão geraram uma onda de comentários. Houve quem dissesse que as 7 bolas de cristal foram reunidas em Odeleite [referência à série de animação Dragon Ball], quem despromovesse o dragão a osga e quem colocasse Portugal no topo de prioridades para uma próxima viagem.

Do Reddit até à rede social chinesa Sina Weibo (uma espécie de Twitter), o caminho foi curto e foi lá que o “dragão de Odeleite” foi mais apreciado. Segundo relata a cadeia de televisão chinesa CCTV na sua página de Facebook, «os internautas chineses estão loucos acerca deste rio em forma de dragão».

A “loucura” deve-se ao facto de o dragão ser considerado um símbolo «auspicioso» na mitologia chinesa. Segundo a CCTV, o post de uma utilizadora do Sina Weibo foi “repostado” mais de 30 mil vezes em menos de 10 horas, com os internautas a acreditarem que a fotografia pode trazer-lhes sorte.

A quem pode sair a sorte grande com este sucesso nas redes sociais é à freguesia de Odeleite, no concelho de Castro Marim. Para já, ainda tudo permanece calmo na aldeia, com «algumas agências que fazem passeios pelo rio» e sem chineses, mas isso pode vir a mudar.

Valter Matias, presidente da Junta de Freguesia de Odeleite, falou com o Sul Informação e explicou que «esta questão do dragão sempre foi falada e pode vir a ter impacto em Odeleite. Discute-se em breve o Plano de Ordenamento da Barragem e esse pode ser um elemento a ter em conta na discussão. Pode fazer-se uma promoção junto desse mercado [chinês] e também de outros, porque é algo que capta qualquer turista: “fazer um passeio num barco a remos ou em canoa no “Lago do Dragão Azul”».

Sim, “Lago do Dragão Azul” e não “Rio do Dragão Azul”. Porquê? O autarca explica: «isto é a ribeira de Odeleite, não é um rio. Foi a barragem de Odeleite que deu origem a esta configuração. Se é para mudar o nome, o Lago do Dragão Azul faz mais sentido», graceja Valter Matias.

Comentários

pub
pub