Lídia Jorge apresenta o novo livro de João Ventura em Faro

O livro integra a coleção de ensaios & crítica “Poethis” da editora The Poets and Dragons Society

A escritora Lídia Jorge vai apresentar, no dia 19 de Julho, a partir das 18h00, o livro “Um Lápis no Punho. Fragmentos de ficção crítica”, de João Ventura, na Biblioteca de Faro. 

Esta obra, composta por crónicas ficcionadas, que se entrelaçam, quase como um romance, tem no prefácio, escrito pelo autor, poeta e ensaísta António Cabrita, um destaque à capacidade de João Ventura empreender «uma poética do leitor» de nos lembrar «que a leitura não é um ato de consumo mas uma comunidade de destino».

O livro, que integra a coleção de ensaios & crítica “Poethis” da editora The Poets and Dragons Society, propõe uma reflexão poética sobre um itinerário pessoal de leituras e uma visão ética do mundo, convidando os leitores a uma experiência transformadora e enriquecedora.

João B. Ventura nasceu em Portimão em 1956, sendo licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, pós-graduado em Ciências Documentais pela Universidade de Lisboa, mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação pelo IUL-ISCTE e em Gestão de Instituições e Empresas Culturais pela Universidade de Barcelona.

Sócio fundador do Instituto de Cultura Ibero-Atlântica, membro da Associação Portuguesa dos Críticos Literários e autor de “Bibliotecas e Esfera Pública”, dirigiu a “Atlântica” – Revista de Cultura Ibero-Americana e integra a equipa redatorial da “Meridional” – Revista de Estudos do Mediterrâneo.

Além de ter sido delegado regional da Cultura do Algarve e diretor do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão, trabalha atualmente na Biblioteca Municipal de Portimão, de que foi o primeiro diretor.

 



Comentários

pub