APAL sensibiliza associados devido aos desacatos na Oura

O comportamento dos turistas em Albufeira passará a ser regulado em breve por um Código de Conduta, já anunciou a autarquia

Desidério Silva, presidente da APAL

A Agência de Promoção de Albufeira (APAL) enviou um e-mail aos seus associados a sensibilizar para os últimos acontecimentos na Rua da Oura, quando oito turistas britânicos foram filmados nus, em pleno dia.

Nessa mensagem, a APAL sensibiliza os sócios «para que estejam atentos para que possamos minimizar o impacto negativo que está a ter no destino».

«Como responsáveis desta Associação, temos procurado junto de diversos parceiros e instituições, encontrar solução que visem travar este tipo de conduta imprópria», lê-se ainda.

De resto, a Câmara Municipal já tomou algumas medidas.

O comportamento dos turistas em Albufeira passará a ser regulado em breve por um Código de Conduta, anunciou a autarquia.

Segundo a SIC, a situação repetiu-se em mais do que um bar. Um grupo de britânicos, entre os 35 e os 50 anos, resolveu exibir-se nu em pleno dia. A GNR, que foi chamada, já não os conseguiu apanhar em flagrante, mas, ainda assim, oito ingleses foram identificados e o caso seguiu para o Ministério Público.

O presidente da Câmara Municipal de Albufeira, em comunicado, afirma estar «determinado a colocar limites aos excessos» e vai mesmo pedir uma reunião à ministra da Administração Interna, para discutir o reforço da segurança.

 



Comentários

pub