54 famílias de Olhão estão quase a receber chaves das novas habitações a custos controlados

Este «será um momento feliz»

As primeiras 54 famílias olhanenses vão receber brevemente as chaves das suas novas habitações a custos controlados, anunciou esta segunda-feira, 17 de Junho, a Câmara de Olhão.

Durante uma visita à Rua António Henrique Cabrita, onde foi construída a primeira fase do projeto, António Miguel Pina, presidente da Câmara de Olhão, que se fez acompanhar pelo vereador das Obras Públicas, Ricardo Calé, considerou que «será um momento feliz para estas famílias, que aguardam ansiosamente pelas suas casas novas, assim como para toda a comunidade olhanense».

O autarca acrescentou que «esta é uma das obras de que mais nos orgulhamos: a construção de 54 fogos a custos controlados, um projeto da ordem dos 6 milhões de euros, que vai permitir que várias famílias do nosso concelho consigam ter, finalmente, a sua casa, a preços verdadeiramente acessíveis, entre os 110.000 e os 125.000 euros. São preços que não estrangulam a economia familiar».

A construção de habitação a custos controlados no concelho é uma das vertentes da política de habitação do Município, um dos pilares deste mandato.

Segue-se a construção da segunda fase da habitação a custos controlados, que fará surgir nos terrenos da antiga Litografia mais 300 fogos, e a requalificação do Bairro 16 de Junho, onde vão nascer 64 novas habitações, para realojar alguns dos moradores que vivem em situação menos dignas.

 



Comentários

pub