Consumo de água em Lagoa na 1ª quinzena de Maio diminui em 32% face a 2023

Autarquia diz que esta redução do consumo tem sido recorrente, «semana após semana»

O consumo de água em Lagoa baixou 32% nos primeiros dias de Maio, em relação ao mesmo período de 2023, anunciou a Câmara lagoense, que frisa que esta redução é «superior à percentagem imposta» pelo Governo.

Segundo a Câmara de Lagoa, o município «tem vindo a apresentar, semana após semana, valores de redução de consumo de água que chegam a atingir o dobro da redução exigida por lei, demonstrando todo o empenho do Município de Lagoa, dos hoteleiros, empresários, agricultores e lagoenses, no geral».

«Os valores apresentados pelo Grupo Águas do Algarve (ADA), através do Grupo de Trabalho III, têm demonstrado que o Município de Lagoa tem sido dos municípios que mais tem reduzido o consumo de água, face ao ano de 2023», acrescenta a autarquia.

Ainda assim, a maior percentagem de redução de consumo de água no concelho «tem-se verificado, quase sempre, nos primeiros 15 dias de cada mês, aumentando, consideravelmente, o consumo nos 15 dias seguintes».

Apesar dos resultados alcançados nos primeiros meses do ano, «de todos os esforços da população, em geral, e de todos os agricultores, hoteleiros e empresários do concelho», a Câmara considera ser necessário «continuar a cumprir com as restrições impostas» pelo Governo.

 

 



Comentários

pub