Trabalhadores das Águas do Algarve fazem greve na sexta-feira

Salários, subsídios e acordo coletivo de trabalho estão em causa

Os trabalhadores das Águas do Algarve vão fazer greve na próxima sexta-feira, 13 de Março, ao longo de todas as 24 horas do dia.

Segundo a União dos Sindicatos do Algarve, esta greve é motivada pela falta de respostas objetivas e concretas da Administração da empresa às matérias internas apresentadas nas diversas reuniões realizadas anteriormente».

Em causa estão questões como o «aumento dos salários», a «aplicação correta do Acordo Coletivo de Trabalho» e sua negociação com as Águas de Portugal, a «eliminação da discriminação salarial nas mesmas funções», ou a «atribuição do subsídio de risco».

Outros temas na base da greve são a «falta de informação e comunicação aos trabalhadores sobre as novas tarefas funções/definições a partir do dia 1 de Abril», o «pagamento das horas em deslocação quando em formação ou ao serviço da empresa», «alterações das plataformas fixas e móveis» e ainda a falta de «entrega dos relatórios únicos de 2018 e 2019».

O Sul Informação já pediu um comentário à administração da empresa Águas do Algarve, até agora sem resultado.

Comentários

pub
pub