Campanha recolhe material de proteção para profissionais do SNS do Algarve

Toda a população é convidada a ajudar naquilo que puder

Começou agora, mas não tem data para terminar. O Algarve Biomedical Center (ABC) lançou uma campanha de angariação de Equipamentos de Proteção Individual e de dinheiro para os adquirir, de modo a ajudar os profissionais do SNS a combater o surto de Covid-19, e está a apelar à sociedade em geral para dar o seu contributo.

«As pessoas podem contribuir com o próprio material e entregar-nos ou dizer onde o podemos ir buscar. Também podem contribuir financeiramente, para nós adquirirmos material», explicou ao Sul Informação Nuno Marques, diretor do ABC.

«Quem quiser entregar, pode fazê-lo quer no campus da Penha, quer no campus de Gambelas da Universidade do Algarve, em Faro. Basta deixá-lo na portaria ao nosso cuidado, que chegará até nós», acrescentou.

E que material é que está a ser pedido? Todo aquele que possa ajudar a proteger os profissionais de saúde que estão a lidar diretamente com doentes com a Covid-19.

Confira a lista: Máscaras cirúrgicas (atilhos ou elásticos); Máscaras FFP 2 e 3; Desinfetantes; Batas impermeáveis; Luvas; Viseiras, Óculos com proteção lateral; Proteções de calçado; Perneiras; e fatos impermeáveis.

Quem não tiver material para oferecer e quiser ajudar, pode contribuir com dinheiro, transferindo a verba que desejar para a conta com o IBAN PT50 0035 0303 0010 5008 1303 1, identificando o seu nome e o seu contacto.

Quaisquer dúvidas podem ser tiradas através dos  números 916 545 979 e 964 392 912, bem como dos emails abc@abcmedicalg.pt e ana.matias@abcmedicalg.pt ou da página no Facebook do Algarve Biomedical Center.

 

 

«Esta é uma necessidade que existe e que se irá prolongar. Isto não é algo pontual, só para os próximos dias. Este tipo de equipamento fará muita falta nos próximos tempos», avisou o Nuno Marques.

Desta forma, «a campanha durará enquanto se mantiver esta crise e a pandemia do coronavírus. É essencial protegermos os nossos  profissionais de saúde».

«Já temos recebido alguns donativos, algo que agradecemos muito. Tivemos um apoio muito bom das Câmaras do Algarve e de algumas entidades privadas», frisou o diretor do ABC.

Entre as contribuições que chegaram do setor privado contam-se as do Sporting Clube Farense, que doou 100 mil euros para esta causa, e as dos promotores dos festivais Rolling Loud Portugal e Afro Nation.

Entretanto, o Algarve Biomedical Center já começou a adquirir equipamentos médicos. «Temos ido buscar o material fora da Europa. Os fornecedores habituais que tínhamos no país e a nível europeu estão todos sem capacidade. Estamos a ir buscar a Macau e China. Macau agora pertence  à China, mas ainda é muito nosso, ainda há uma grande ligação».

«Estamos completamente recetivos a qualquer ajuda, que é sempre bem vinda e que será toda ela dirigida para combater a crise e para o Serviço Nacional de Saúde, tal como todos os meios do ABC», concluiu Nuno Marques.

 

Gosta do nosso trabalho?
Então apoie-nos!
O seu donativo vai apoiar as nossas reportagens e todo o nosso trabalho jornalístico!

Clique aqui para apoiar-nos (Paypal)
Ou use o nosso IBAN PT50 0018 0003 38929600020 44

 

Comentários

pub
pub