Teatro das Figuras terá Março com um “Romeu & Julieta” algarvio, Carminho e Paulo Betti

São muitos os espetáculos que o Teatro das Figuras vai acolher em Março

Romeu & Julieta

A estreia absoluta de uma produção algarvia do bailado “Romeu & Julieta”, a cantora Carminho, os Encontros do Devir e o ator brasileiro Paulo Betti em modo autobiográfico são os destaques da programação do Teatro das Figuras para o mês de Março.

Um dos pontos altos do mês será a estreia, no dia 21 de Março, do espetáculo inspirado numa das mais conhecidas tragédias românticas, uma coprodução do Teatro das Figuras, do Quorum Ballet e da Orquestra Clássica do Sul.

«Com coreografia de Daniel Cardoso e música de Sergei Prokofiev, esta produção trará para a atualidade esta história tão conhecida do público, fundindo a dança com a música clássica interpretada ao vivo», segundo o Teatro das Figuras.

No dia 14,  Carminho  vai protagonizar «um espetáculo único e intimista, numa oportunidade de escutar ao vivo o seu último álbum, “Maria”».

Antes disso, no dia 6, Paulo Betti, ator que ficou conhecido pelos papéis interpretado em telenovelas como “Tieta” ou “Pedra sobre Pedra”, subirá ao palco do Teatro das Figuras para apresentar a sua “Autobiografia Autorizada”, «prometendo levar o público do drama ao riso, num testemunho pessoal e íntimo, onde explorará tanto a sua vida, como a dos seus pais e avós e também uma série de outras personagens inusitadas».

 

Paulo Betti

 

No dia 27, a portuguesa Vera Mantero interpreta o solo “Talvez Ela Pudesse Dançar Primeiro e Pensar Depois”, que ela própria criou. Em seguida, atuará o libanês Bassam Abou Diab, «que apresenta um discurso coreográfico que narra as vivências de um povo em guerra desde 93». Tudo no âmbito de nova edição do Festival Encontros do DeVIR.

O Teatro das Figuras também irá acolher, no dia 7, um  concerto inserido no 4º Festival Internacional de Piano do Algarve que juntará em palco o solista António Cebola e a Orquestra Clássica do Centro, dirigida pelo Maestro Jan Wierzba.

No dia seguinte, 8 de Março, o duo formado por Paulo Bellinati e Cleyton Fernandes junta-se ao virtuoso guitarrista Sandro Norton, «constituindo o alinhamento de mais um concerto do Festival Internacional de Guitarra de Faro».

O público poderá contar, ainda, com o espetáculo”A Criada Zerlina”, que irá à cena no dia 26, inserido no ciclo “Às Quintas no Teatro”. Nesta peça encenada por João Botelho, a atriz Luísa Cruz dá corpo a uma personagem «que se vê envolvida num triângulo amoroso pautado pelo desejo e pelo mistério».

 

Fit (IN)

 

Os jovens e as crianças não foram esquecidos  e poderão contar com mais um Concerto Pedagógico, interpretado pela Orquestra Clássica do Sul, destinado a professores e alunos (dia 10) e com “Fit (IN)”, um espetáculo interpretado pelo ator João de Brito e pela bailarina Yola Pinto, que «propõe ao público adolescente uma tentativa de reflexão sobre a identidade própria, no dia 12, em duas sessões».

No dia 29, sobe ao palco o espetáculo “Flauta Mágica Vista da Lua”, que é o segundo espetáculo da trilogia de ópera para toda a família e que levará os mais novos «numa viagem até à estação espacial do sábio Sarastronauta».

Para a primeira infância, há “O Meu Amigo Robô”, criado e interpretado por Miguel Neto e Tânia Silva, uma iniciativa que «une o teatro à música electrónica, num relato da história do encontro entre uma menina e um robô (dia 15).

Na programação paralela, estão contemplados o Atelier de Construção de Máscaras, orientado por Pedro Esperança (23 a 28 de março) e o ciclo Palavras à Solta, que «propõe a análise e discussão da peça “6 Personagens à Procura de um Autor”, de Luigi Pirandello» (dia 26).

Comentários

pub
pub