Homem que esfaqueou outro em pastelaria do Parchal detido pela PJ

Suspeito ficou em prisão preventiva

Um homem de 44 anos, suspeito de ser o autor de uma tentativa de homicídio ocorrida no dia 1 de Janeiro, numa pastelaria no Parchal (Lagoa), foi agora detido pela DIC de Portimão da Polícia Judiciária.

Segundo a PJ, o homem, cantoneiro de limpeza, foi detido por causa de «fortes suspeitas de ter praticado um crime de homicídio na forma tentada e detenção de arma proibida».

Segundo o Correio da Manhã, o crime deu-se por volta das 20h30 de dia 1, quando o suspeito esfaqueou um outro homem, de cerca de 30 anos, na cabeça e nas costas. A vítima foi obrigada a receber assistência no hospital.

A PJ acrescenta, em comunicado enviado às redações, que a pastelaria onde se deu o crime era um «local frequentado por agressor e vítima», embora não houvesse «qualquer relação de amizade ou afinidade» entre os dois homens.

«A investigação desenvolvida permitiu a recolha de relevantes indícios probatórios, bem como a detenção do presumível autor», acrescenta a Judiciária.

O detido já foi presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Portimão, tendo ficado em prisão preventiva.

Comentários

pub
pub