Fazer sacos de pano ajuda a recordar o quotidiano das avós em Olhão

Muitas mulheres aprendiam a arte da costura desde muito cedo

Uma oficina intitulada “Sacos de pano da avó” é a próxima iniciativa promovida pelo Museu Municipal de Olhão – Edifício do Compromisso Marítimo, no âmbito da exposição Gente de Cá. A atividade realiza-se no dia 27 de Fevereiro, das 14h00 às 17h30, no Chalé João Lúcio.

As inscrições, que são gratuitas mas obrigatórias, já estão abertas e podem ser feitas através do e-mail museu@cm-olhao.pt ou pelo telefone 289 700 103. Os participantes deverão ter conhecimentos de costura e levar o respetivo kit, nomeadamente dedal, agulhas, alfinetes e tesoura.

Esta oficina dedicada à costura está inserida no projeto “Gente de Cá”, iniciado em Janeiro de 2019 pelo Museu Municipal de Olhão em parceria com o Centro Comunitário da Cruz Vermelha de Olhão.

A partir de retalhos de panos, os participantes terão a oportunidade de confecionar um saco nesse material, sendo assim possível recordar uma atividade que fazia parte do quotidiano das nossas avós.

Em Olhão, muitas mulheres aprendiam a arte da costura desde muito cedo. Esta é uma das histórias que as senhoras que são “Gente de Cá” partilham com a comunidade.

Comentários

pub
pub