Fabio Jakobsen (Quick Step) é o primeiro camisola amarela da Volta ao Algarve

Etapa foi decidida ao sprint

Foto: Volta ao Algarve, publicada no Facebook

Fabio Jakobsen (Deceuninck – Quick Step) é o primeiro camisola amarela da Volta ao Algarve em bicicleta, depois de ter ganho, ao sprint, esta quarta-feira, 19 de Fevereiro, a 1ª etapa que terminou em Lagos. 

A tirada teve arranque em Portimão, terminando em Lagos, na Avenida dos Descobrimentos, ao cabo de 195,6 quilómetros.

Após um ataque inicial, que teve, no grupo de fugitivos, Álvaro Trueba (Atum General/Maria Nova/Tavira), a etapa acabou por ser decidida ao sprint, tal como se antevia.

Aí, o holandês Fabio Jakobsen foi o mais forte, batendo a concorrência, composta por ciclistas como Elia Viviani (Cofidis), que ficou em 2º, e Matteo Trentin (CCC Team), que fechou o pódio. O ciclista vencedor terminou a etapa em 4 horas, 55 minutos e 37 segundos, o mesmo tempo do restante pelotão

Já no ano passado, Jakobsen tinha ganho a primeira etapa da Volta, curiosamente também com fim em Lagos.

«A corrida não foi a mais dura, mas quando Tim Wellens atacou, esforcei-me para me manter no grupo. Nos últimos 20 quilómetros, o ritmo nunca desceu e fiquei contente por a equipa me ter colocado numa boa posição aqui em Lagos», disse, no final.

«Os últimos 700 metros foram em linha reta e sabia que se me sentisse bem poderia ganhar. Eu adoro Lagos e estou feliz com esta vitória. Sexta-feira haverá, provavelmente, outra chegada ao sprint. Na equipa temos alguns corredores para as etapas de montanha e claro que o Remco [Evenpoel], com o contrarelógio, vai tentar fazer uma boa classificação geral», concluiu.

A próxima tirada é já amanhã, 20 de Fevereiro, ligando Sagres ao alto da Fóia, em Monchique, ao longo de 183,9 quilómetros.

Comentários

pub
pub