Baixa de Olhão vai ter 26 câmaras de videovigilância

Também Faro, Portimão e Albufeira têm processos a correr com o objetivo de instalar videovigilância

O Governo já aprovou a instalação de 26 câmaras de videovigilância na Baixa de Olhão. 

«As câmaras de vídeo poderão agora ser instaladas pelo Município, para que seja possível proteger pessoas e bens, públicos e privados, e prevenir a prática de crimes em locais onde exista algum risco da sua ocorrência», explica a Câmara Municipal.

A videovigilância abrangerá a baixa da cidade de Olhão, tendo a sua implementação sido objeto de parecer favorável por parte da Comissão Nacional de Proteção de Dados a 27 de Dezembro de 2019. Ainda assim, faltava a autorização final do Governo que surge agora num despacho de Antero Luís, secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna.

O sistema de vigilância funcionará 24 horas por dia, em todos os dias da semana. Sempre que se verifique uma situação de perigo concreto para a segurança de pessoas e bens, será permitida a captação e gravação de som, sendo o Comando Distrital da PSP o responsável pela conservação e tratamento dos dados.

Também Faro, Portimão e Albufeira têm processos a correr com o objetivo de instalar videovigilância.

Comentários

pub
pub