Fotógrafos de renome mostram resultado da sua residência artística em Lagoa

Exposições, conferências e exibição de filmes fazem parte do programa

As exposições dos fotógrafos Paulo Catrica, Augusto Brázio, Lara Jacinto e Valter Vinagre, que estiveram em residência artística no concelho de Lagoa, bem como de João Pina, abrem esta quarta-feira, dia 15, às 19h45, em diversos espaços da cidade, no âmbito dos Encontros Internacionais da Política e da Imagem de Lagoa, Política & Imagem 2020.

O fotógrafo Paulo Catrica trabalhou sobre arquitetura e as formas de habitar, resultando este seu projeto na exposição Prospectus. Augusto Brázio trabalhou sobre o turismo e a indústria turística e a sua exposição tem o título Os filhos do sol: a busca do idílico. De um projeto sobre migrantes, desenvolvido pela fotógrafa Lara Jacinto, resultou a exposição intitulada Paraíso. Estas três mostras estarão patentes no Centro Cultural Convento de São José, em Lagoa.

Por seu lado, Valter Vinagre expõe o seu trabalho intitulado Corações ao Alto, com o qual, procurou documentar as confissões religiosas presentes em Lagoa, no Salão Paroquial, junto à Igreja Matriz.

Foi ainda convidado, para esta primeira edição dos Encontros Política & Imagem, o fotógrafo João Pina, que vem mostrar um trabalho que tem em curso na Colômbia sobre refugiados venezuelanos, designado Caminantes. Ficará patente na sala das sessões dos antigos Paços do Concelho.

Os Encontros Política&Imagem são promovidos no âmbito da instalação da Casa da Cidadania e da criação do MUCID – Museu Digital da Cidadania e dos Movimentos Sociais, nos antigos Paços do Concelho.

 

O programa do evento contempla também conferências, para as quais foram convidados Alejandro Castellote, curador independente e criador da Photo España, o filósofo Mário Santiago Carvalho e o jornalista da Antena 1 José Manuel Rosendo.

«As três mesas redondas agendadas serão sobre como documentar o mundo, o diálogo interconfessional e as migrações no século XXI», explica a organização.

No dia 15, serão lançados os cadernos da Casa da Cidadania, com os projetos fotográficos resultantes das residências artísticas, e apresentada a medalha Cross-Border, da autoria do mestre-escultor e medalhista José Teixeira.

No dia 16, quinta-feira, em que se celebra a criação do concelho de Lagoa, haverá uma sessão comemorativa, presidida por Luís Encarnação, o presidente da Câmara de Lagoa, onde será apresentado o desenvolvimento do projeto Casa da Cidadania.

Serão também projetados filmes de Sérgio Tréfaut, entre os quais “Viagem a Portugal” (dia 15, 21h30), o premiado “Raiva” (dia 16, 21h30), e ainda “Waiting for Paradise” e “A Cidade dos Mortos” (17, 21h30). Todos os filmes serão apresentados no auditório Centro Cultural Convento de São José e terão apresentação da antropóloga Ana Machado.

No último dia, a sessão de encerramento será presidida pela ministra da Cultura Graça Fonseca. Será às 19h00 de sábado, 18 de Janeiro, também no auditório do Convento de São José.

 

Clique aqui para conhecer todo o programa dos Encontros Política&Imagem 2020

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

pub
pub