Algfuturo leva a Lagos debate sobre a falta de água no Algarve

Associação diz que é urgente tomar decisões para colmatar a falta de água

A Algfuturo vai levar o debate sobre a falta de água no Algarve a Lagos, numa sessão que se vai realizar este sábado, 25 de Janeiro, às 15h00, no edifício da Câmara Municipal. Neste debate vão participar os presidentes de Câmara de Lagos, Aljezur e Vila do Bispo e também Paulo Águas, reitor da Universidade do Algarve.

A Algfuturo considera «urgente tomar decisões, para que o Algarve produza cada vez mais riqueza e empregos», superando «eventuais problemas de água que nos façam regredir».

A associação realça que «as populações têm cada vez maior consciência da situação e querem participar, pelo que avançam os debates, agora em Lagos, destinado aos concelhos de Lagos, Aljezur e Vila do Bispo».

Nas sessões anteriores, realça a Algfuturo, «tudo tem sido escalpelizado, sendo agora o problema principal a extrema urgência de ação, pois o tempo passa, não há chuva e as barragens estão muito abaixo dos anos anteriores».

Por isso, a associação faz «um veemente apelo aos poderes públicos e em particular aos membros do Governo politicamente ligados ao Algarve, deputados, autarcas, Assembleias Municipais, Assembleias de Freguesia e Juntas, para que, a uma só voz e com a sociedade civil se faça um sprint que conduza ao início imediato de projetos e obras».

Comentários

pub
pub