Consoada solidária alimentou 50 sem-abrigo em Portimão

A iniciativa contou com o apoio de empresários de Portimão e da Praia da Rocha

O GRATO (Grupo de Apoio aos Toxicodependentes) organizou uma consoada solidária, no passado dia 24 de Dezembro, que juntou 50 sem-abrigo, em Portimão. 

Em comunicado de imprensa, o GRATO agradece «a todos os amigos que têm ao longo dos últimos 20 anos disponibilizado, gratuitamente, todos os produtos necessários para que seja possível apoiar diariamente os utentes desta instituição».

Segundo Joaquim Magalhães, presidente do GRATO, nos últimos meses os utentes «aumentam a cada dia».

No mesmo comunicado, o GRATO alerta para o facto de que «não é sem-abrigo quem quer».

«Neste grupo de pessoas encontramos os que fogem da violência doméstica e toda a espécie de abusos, outras que, embora tendo o seu trabalho, não ganham o suficiente para suportar os custos da renda da casa, do gás e da luz, e, outros ainda que sofrem de doenças do foro mental. Estas estão cada vez mais desamparadas porquanto a saúde mental continua a ser o parente pobre na área da saúde. Junta-se a este cenário – já de si problemático – o consumo de drogas e de álcool».

A iniciativa contou com o apoio de empresários de Portimão e da Praia da Rocha.

Comentários

pub
pub