LUZA e Festival Internacional de Piano são propostas do 365Algarve

A 4ª edição do 365 Algarve decorre até Maio de 2020

As luzes do LUZA e mais uma edição do Festival Internacional de Piano do Algarve são propostas do 365Algarve para os dias 14, 15, 16 e 17 de Novembro. 

Após duas edições de sucesso no município de Loulé, o LUZA Festival (Algarve International Festival of Light) chega à sua terceira edição com novidades.

O festival de luzes algarvio será, desta vez, acolhido pela cidade de Faro. A partir das 18h00 e até às 00h00, os visitantes vão poder «admirar obras de artistas nacionais e internacionais, cuja matéria-prima é a luz, e interagir com as mesmas», diz o 365Algarve.

«Serão expostas dez obras de artistas nacionais e internacionais, ao longo das ruas de Faro, “pintando” edifícios e enchendo a cidade de luz», acrescenta.

Já o 4º Festival Internacional de Piano do Algarve regressa a 16 de Novembro, em Portimão, com os dois concertos Moonlight Over Oceans & Nations tendo como solista o pianista Adriano Jordão. O Festival começa com o concerto para mão esquerda, de Ravel, pela Orquestra Sinfónica de Zhejiang (China), dirigida pelo maestro Hu Youngyan.

No dia seguinte, em Faro, o programa Moonlight Over Oceans & Nations apresenta a Orquestra Sinfónica de Zhejiang, que executará a obra Suite das Descobertas, encomenda do Teatro das Figuras ao maestro e compositor Armando Mota.

Armando Mota dirige a orquestra, sendo solista o pianista Xi Zhai.

Esta obra teve a sua estreia no Teatro das Figuras, aquando das comemorações dos 550 anos da morte do infante D. Henrique. Na primeira parte, será executado o concerto N.º 2 para Piano e Orquestra, de Rachmaninof. O concerto terá início com a Abertura Festiva, de Shostakovich.

A 4ª edição do 365 Algarve decorre até Maio de 2020 e o ciclo de programação parte de uma ideia de território enquanto paisagem à escala humana, que se pode percorrer a pé. Um conceito desde logo associado à Europa, um continente onde as ligações são feitas à distância de uma caminhada, e que constitui o fio condutor desta edição: a profunda ligação humana ao território, quer física quer metaforicamente.

São mais de 400 as iniciativas culturais que o 365Algarve vai promover por toda a região e que incluem mais de uma centena de concertos, cerca de 50 espetáculos de teatro e cerca de 100 ações relacionadas com o património da região, entre outros eventos.

Comentários

pub
pub