Livro de Patrícia de Jesus Palma vai ser lançado na Biblioteca de Faro

A obra é uma edição da Direção Regional de Cultura do Algarve

O livro O Reyno das Letras: a cultura letrada no Algarve (1759-1910), da autoria de Patrícia de Jesus Palma, vai ser apresentado no próximo sábado, 9 de Novembro, às 15h00, na Biblioteca Municipal de Faro, com entrada livre.

A obra, que é uma edição da Direção Regional de Cultura do Algarve, reorganiza, para a região, uma cartografia cultural panorâmica dos últimos três séculos, a partir de casos e indicadores concretos, que contradizem as tradicionais representações historiográficas de uma região culturalmente isolada, marginal e desatualizada.

A investigação corporizada nesta obra, usando como ponto de partida as instituições, as gentes, os livros e as leituras de que os arquivos e as bibliotecas espalhadas pelo país guardam a memória, demonstra que o Algarve é parte integrante da história sobre os caminhos da cultura escrita no mundo.

A apresentação de O Reyno das Letras: a cultura letrada no Algarve (1759-1910) está a cargo do professor doutor João Luís Lisboa (Universidade Nova de Lisboa).

Patrícia de Jesus Palma, natural de São Marcos da Serra, é licenciada em Línguas e Literaturas Modernas – variante de Estudos Portugueses pela Universidade do Algarve, com mestrado e doutoramento pela Universidade Nova de Lisboa, em Estudos Portugueses, respetivamente nas especialidades de Literatura Portuguesa Contemporânea e História do Livro e Crítica Textual.

Na atualidade, é investigadora integrada do CHAM – Centro de Humanidades da FCSH/UNL, onde desenvolve temas como a circulação cultural no espaço europeu e transatlântico, a história e património da imprensa, ou as relações entre a cultura e o desenvolvimento territorial.

Em paralelo, desde 2018, atua no Lugar Comum, projeto que criou para investigação, consultadoria, ação cultural e ação educativa e que tem como principais objetivos fomentar o acesso ao conhecimento e à fruição cultural.

Comentários

pub
pub