Hélder Guerreiro é candidato a presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS

Deputado Pedro do Carmo deixa o cargo

Hélder Guerreiro, natural de S. Teotónio e antigo vice-presidente da Câmara de Odemira, é candidato à presidência da Federação do Baixo Alentejo do PS.

Na sua apresentação enquanto candidato, Hélder Guerreiro diz que assume este passo com «a responsabilidade, mas também a honra e a oportunidade de contribuir para um Baixo Alentejo mais forte, que se afirme como o melhor lugar do mundo para trabalhar e viver».

O candidato deixa também palavras a Pedro do Carmo, deputado do PS eleito por Beja que vai deixar de ser presidente da Federação do Baixo Alentejo.

«Respeitar esse trabalho significa dar a todo este Baixo Alentejo uma perspetiva de futuro. É um novo ciclo político onde a valorização e mobilização de todos os militantes, bem como o funcionamento de todas as nossas estruturas é um dos nossos objetivos centrais», diz Hélder Guerreiro.

«Valorizar este Partido Socialista que temos hoje significa também constituir o nosso partido como uma estrutura política cívica que quer mobilizar a nossa sociedade em torno de uma agenda de desenvolvimento para um Baixo Alentejo mais forte», acrescenta.

Hélder Guerreiro tem 49 anos, é bacharel em Engenharia Técnica de Produção Animal, licenciado em Engenharia Agro-Florestal, Ramo Desenvolvimento Rural (Instituto Politécnico de Beja) e mestre em Economia Regional e Desenvolvimento Local (Universidade de Évora).

Foi técnico de associações de produtores, foi técnico em missões de cooperação, foi dirigente associativo na TAIPA, Crl e vice-presidente da Câmara Municipal de Odemira. Atualmente exerce o cargo de vogal executivo do Alentejo2020.

A nível partidário, destaca-se o cargo que desempenhou como secretário nacional adjunto do PS e atualmente como presidente da Comissão Política Federativa do PS Baixo Alentejo.

Comentários

pub
pub