Empresa da fundadora de uma “unicórnio” portuguesa dá workshop no Algarve

Workshop será dinamizado pela capital de risco INDICO – Capital Partners

A empresa INDICO – Capital Partners, criada pela cofundadora da Talkdesk, uma startup unicórnio portuguesa, vai estar no dia 21 de Novembro, às 16h30, nas instalações do NERA – Associação Empresarial do Algarve, em Loulé, para  animar o workshop “O capital para o crescimento”.

A sessão será dinamizada por um dos sócios da INDICO – Capital Partners, a primeira capital de risco institucional e privada independente portuguesa, que foi fundada por Cristina Fonseca – que ajudou a criar a Talk Desk -, Stephan Morais e Ricardo Torgal, «dois experientes gestores da Caixa Capital».

Esta será a primeira sessão do ciclo “Ecossistema de Inovação do Algarve”, que está a ser dinamizado em conjunto pela Algarve Systems and Technology Partnership (Algarve STP), pela Universidade do Algarve e pela Algarve Evolution, os parceiros do Algarve Tech Hub.

Segundo a Algarve STP, entidade que junta parceiros públicos e privados, «a atração de capital para o crescimento configura um dos primeiros elementos necessários ao desenvolvimento dos ecossistemas de inovação».

«Complementarmente à promoção do empreendedorismo, à valorização da criatividade e à retenção de talento, o capital de risco apresenta-se como um elemento multiplicador e acelerador do crescimento dos ecossistemas», acrescentou.

É neste contexto, e «numa ótica de promoção da dinâmica do Algarve Tech Hub», que se realiza este workshop.

Os sócios da empresa dinamizadora do workshop têm créditos firmados, por um lado, na área financeira, e, por outro, do empreendedorismo.

Criada em 2017, esta capital de risco «conta com um portfólio de mais que uma dezena de participadas e focalizada em tecnologias disruptivas. Com um fundo inicial de 47 milhões de euros, investe entre os 150 mil e 5 milhões de euros por empresa».

Além dos gestores Stephan Morais e Ricardo Torgal, a empresa conta com Cristina Fonseca, que ajudou a fundar e é acionista da startup unicórnio portuguesa Talkdesk, apesar de já não estar na direção desta empresa. São consideradas unicórnio as startups avaliadas em mais de mil milhões de dólares. A Talkdesk foi a terceira em Portugal a ganhar esse estatuto, em 2018.

Este é um evento aberto ao público em geral, promovido no âmbito do projeto KCITAR, financiado pelo programa CRESC Algarve 2020.

Uns dias antes de promover este workshop, a 18 de Novembro, a Algarve STP e a Start Up Portimão vão organizar o primeiro encontro informal entre todas as Incubadoras do Algarve, no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

A Algarve STP tem como parceiros a Universidade do Algarve, a Anje, as Câmara de Faro, de Loulé e de Portimão, a Docapesca e a associação Algarve Evolution, lista que se prevê que engrosse em breve, com novas entradas.

«Adicionalmente, a associação tem protocolado um acordo formal com a Altice, parcerias informais com a Altice Lab, Fraunhofer Institute Portugal, entre outros a fechar em breve. Um dos objetivos é dinamização do Ecossistema de Inovação do Algarve», resumiu a Algarve STP.

 

(Nota: Corrigida às 9h00 de dia 15 de Novembro com a indicação que apenas estará presente um dos sócios da INDICO Partners)

Comentários

pub
pub