200 quilos de polvo e mexilhões apreendidos em Olhão

Foram identificados dois homens

Cerca de 200 quilos de polvo e mexilhão foram apreendidos esta semana pelo destacamento de Olhão da Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR.

Os militares da UCC apreenderam 57 quilos de mexilhão e 151 quilos de polvo a dois homens, que o transportavam «sem a documentação necessária que comprovasse a sua rastreabilidade».

«Numa análise mais pormenorizada do pescado e dos bivalves, foi possível apurar que os espécimes do polvo não apresentavam o peso legalmente previsto, sendo portanto imaturo», revelou a GNR.

Os dois homens foram identificados e alvo de autos de contraordenação, «por não se fazerem acompanhar da documentação para o transporte de bivalves, cuja infração é punível com coima até 3740 euros, por fuga à lota, punível com coima até 44891 euros, e pelo transporte de pescado de tamanho ou peso inferior ao legalmente previsto, punido com coima até 37500 euros».

A UCC da GNR acrescenta que «os bivalves por ainda se encontrarem vivos foram restituídos ao seu habitat natural», enquanto o polvo foi doado «a uma instituição de solidariedade social».

Comentários

pub
pub