Portimonense não passa no “exame” em Coimbra e sai da Taça de Portugal

Golo vitorioso da Académica chegou perto do fim

Foto de Arquivo: Nelson Inácio

O Portimonense foi eliminado, este sábado, da Taça de Portugal, pela Académica, que milita na II Liga, em Coimbra. Ki, ao minuto 52, deu a vantagem aos estudantes, Jackson Martínez empatou aos 88′ mas, no minuto seguinte, Djoussé fez o 2-1, que foi o resultado final.

A Académica entrou melhor no jogo e deixou o primeiro aviso aos 9 minutos, num remate de Derik, que Gonda defendeu. Aos 16, o mesmo Derik tentou um “chapéu” ao guarda-redes japonês, mas a bola saiu ao lado.

Pelo meio, Jackson Martínez, aos 12′, atirou cruzado mas o remate, fraco, saiu ao lado.

O Portimonense, que já tinha jogado frente à Académica, e vencido, para a Taça da Liga, não conseguia impor o seu jogo e, aos 52 minutos, já com Ricardo Ferreira, que entrou ao intervalo, na baliza dos alvinegros, a Académica chegou ao golo.

Ki combinou com um colega e já dentro da área atirou sem hipóteses de defesa.

Aos 71 minutos, a vida do Portimonense, que já não estava fácil, complicou-se ainda mais. Júnior Tavares lesionou-se, Folha já tinha esgotado as substituições e os algarvios ficaram a jogar com dez.

Apesar da inferioridade numérica, o Portimonense ainda chegou ao empate, aos 88′, num cabeceamento de Jackson Martínez, após canto de Tabata.

Quando tudo indicava que o jogo ia seguir para prolongamento, a Académica voltou à vantagem. Aos 89′, Djoussé, ao segundo poste, emendou um cruzamento de Mauro Cerqueira e deu a passagem à próxima fase aos estudantes.

Depois da terceira eliminatória da Taça de Portugal, o Farense é o único representante algarvio na prova.

Comentários

pub
pub