Loulé recupera histórico edifício do Atlético para o colocar ao serviço da cultura

A obra custa cerca de 357 mil euros

O edifício que funcionou como sede do Atlético Sporting Clube, na emblemática Rua das Lojas, em Loulé, vai ser recuperado, transformando-se num novo espaço polivalente para receber atividades culturais da cidade. 

Este é um edifício que terá nascido no século XIX, sofrendo alterações nos anos 40 do século seguinte ao nível do piso térreo, nomeadamente no desenho das montras das lojas pelo emblemático arquiteto Manuel Laginha.

Nos anos 80, o espaço também sofreu alterações nos pisos superiores e no interior.

A intervenção, que se irá iniciar, tem como objetivo a adaptação do edifício a um espaço polivalente direcionado para atividades culturais, mantendo as características do edifício e o máximo aproveitamento dos elementos existentes, dotando-o de boas condições de utilização a nível estrutural, de salubridade e conforto.

 

 

O edifício será mais um espaço de convívio para fruição dos louletanos, com atividades culturais organizadas pelo Município e por outras associações.

Este edifício do Atlético também vai receber a Casa da Cultura de Loulé, importante associação existente da cidade, e que conta com 40 anos de desenvolvimento cultural, social e desportivo.

A obra custa cerca de 357 mil euros, tendo um prazo de execução de 6 meses.

De resto, este emblemático edifício continua na memória dos louletanos como um espaço recreativo, de cultura e de debate político.

Teve, sobretudo, um papel importante no combate à ditadura durante o período final do Estado Novo. Era lá que havia, inclusive, uma biblioteca com livros censurados.

Ali se realizaram também bailes, conferências, jogos florais e sessões de cinema.

Comentários

pub
pub