Está a chegar a altura de “Lavrar o Mar”

Como é habitual, propostas surpreendentes não faltam

Les Princesses – Créditos da foto: Ian Greanjean

É com novo circo aéreo e cantado que vai arrancar, esta quinta-feira, 17 de Outubro, a nova programação do “Lavrar o Mar”, no Espaço Multiusos de Aljezur. 

“Les Princesses” é o nome do espetáculo, da companhia francesa Cheptel Aleïkoum. 

A iniciativa terá sessões na sexta-feira, dia 18, e no sábado, dia 20, sempre às 21h00. Sábado também há “Les Princesses”, mas os bilhetes, como é costume no “Lavrar o Mar”, já estão esgotados.

De Aljezur, este espetáculo rumará a Monchique, onde assentará arraiais no pavilhão da Escola Básica Manuel do Nascimento, de 24 a 27 de Outubro (21h00).

Como explicaram Giacomo Scalisi e Madalena Victorino, mentores do “Lavrar o Mar”, «trata-se de um espetáculo muito poético, muito musical, de novo circo, com princesas, príncipes, maças envenenadas, coelhinhos», cuja apresentação passa pela montagem de uma estrutura, «a medusa», que permitirá receber 200 espectadores em cada noite.

Os bilhetes custam 10 euros para adultos e 5 euros para crianças, até aos 11 anos.

De resto, depois deste primeiro espetáculo, o “Lavrar o Mar” continuará a ter muito para oferecer – e, sempre, com propostas surpreendentes.

Haverá nova sessão da saga “Medronho”, “O Presente de César”, um teatro culinário, ou o espetáculo de fim de ano “Les Dodos”, em Monchique.

Os bilhetes para todos os espetáculos do Lavrar o Mar podem ser comprados na bilheteira online Bol, em https://lavraromar.bol.pt e nos pontos de venda aderentes (Fnac, Worten, etc), bem como em Monchique, na Biblioteca Municipal, ou em Aljezur, na Casa Lavrar o Mar, na Rua João Dias Mendes, 46. E não deixe para amanhã o que pode fazer hoje: é que os bilhetes para o Lavrar o Mar costumam esgotar rapidamente.

O Lavrar o Mar conta com os apoios das Câmaras Municipais de Aljezur e Monchique. Além do 365Algarve, também apoiam financeiramente o projeto o CRESC Algarve e a DG Artes.

Comentários

pub
pub